Como fazer para baixar a febre de uma pessoa?

3927
Como baixar a febre em casa? Médica explica o que fazer

Saber como baixar a febre é indispensável para qualquer pessoa. Ficar com febre deixa o corpo altamente debilitado. Contudo, só para lembrar, a febre não é uma doença e sim, um sinal ou sintoma. Quando temos febre, esse estado indica que o nosso organismo está lutando contra o agente causador de uma infecção, ou seja, um agente microbiano, seja ele vírus ou bactéria, invasor e nocivo. Ao mesmo tempo, é preciso saber o que não se deve fazer quando está com febre.

Você pode agir conforme as dicas abaixo para estados febris acima de 38,5ºC (temperatura axilar). Isso porque, acima deste nível, o organismo começa a se desgastar aceleradamente sem conseguir dar conta da luta do seu sistema imunológico. No entanto, essas dicas poderá ajudar a baixar a febre em casa sem medicação. Esteja sempre consciente que febre pode ser indicativo de algo mais grave como pneumonia ou bronquite, por exemplo.

Como baixar a febre usando compressas

Usar uma toalha úmida ou com uma bolsa térmica em temperatura mais fria no tronco e nos membros pode ajudar a diminuir a temperatura do corpo. O ideal é usar água em temperatura ambiente. Mas lembre-se: caso o paciente se queixe de muito frio e se sinta mal em contato com a umidade, não faça as compressas, pois elas podem piorar seu estado. Alguns médicos recomendam ao paciente usar meias molhadas. No entanto, o principal é aliviar a cabeça do excesso de temperatura corporal. Para isso, coloque uma compressa fria na testa e ou na nuca. Apesar de a compressa fria ser amplamente indicada, o banho frio, banheiras com gelo ou banhos de álcool podem ser perigosos e devem ser evitados.

Como baixar a febre tomando banho

Um bom banho de água morna, e não fria, é excelente para aliviar os sintomas da febre e recuperar a temperatura corporal. Mas porque a água não pode ser fria? De acordo com Dra. Judith Marcin [1], médica de família do Saints Mary and Elizabeth Medical Center de Chicago, embora a água fria realmente ajude a diminuir a temperatura, ela aumenta a frequência cardíaca, que já está acelerada por causa da febre. Assim, o ideal é deixar a água morna escorrer por bastante tempo sobre o corpo, o que também contribui para seu relaxamento.

Como baixar a febre bebendo água

Manter a hidratação para baixar a febre é imprescindível, então o recomendado é beber muita água. Além de hidratar o corpo, que costuma perder água durante a febre, o líquido auxilia na regulação térmica do organismo. Ofereça água pura, limonada ou um chá do gosto do paciente e insista para que este tome, pelo menos, alguns goles de vez em vez. Contudo, se a febre vem junto com vômitos e está difícil manter o líquido no estômago, experimento chupar lentamente cubos de gelo. Isso, decerto, não causará vômito e ajudará na hidratação.

Como baixar a febre fazendo repouso

O descanso não é recomendação de avó. Quem está com febre precisa mesmo repousar. Dra. Judith Marcin explica  que a febre acelera os batimentos cardíacos (para cada grau elevado há aumento de 15 batimentos por minuto), o que provoca maior gasto de energia. Por isso, é importante repousar e evitar sobrecarregar o organismo com atividades físicas. Ao mesmo tempo, mantenha e calma. Remova camadas extras de roupas e cobertores, a menos que você tenha calafrios.

Como baixar a febre comendo direito

Não precisa e nem pode deixar de comer, mas a alimentação deve ser bastante controlada durante a febre. Isso porque, para cada elevação de 1º C na temperatura corporal, o consumo de energia é 12% maior que o habitual. Assim, é importante fazer uma dieta leve, com alimentos de fácil digestão, para que o organismo não queime muita energia tentando digerir a comida.

Como baixar a febre com medicamentos

Se a causa da febre for simples, como uma gripe, e não muito alta (até 38 graus), não há razão para tratar de forma medicamentosa. As dicas acima irão resolver o problema em pouco tempo. No entanto, se a pessoa tiver com dores pelo corpo, mal-estar e outros sintomas, o uso de um antitérmico pode ajudar. Agora, para as febres acima de 38,5 ou 39 graus costumam causar maior desconforto e poderão ser medicadas com o antitérmico de costume.

Dra. Mrrcin explica que medicamentos como o como paracetamol e ibuprofeno, podem reduzir a febre. Contudo, observe a dosagem adequada e não os use junto com outros medicamentos redutores da febre. Ao mesmo tempo, não é aconselhado dar aspirina a crianças até 12 anos sem consultar o pediatra.

Quando é preciso ir ao médico?

Como a febre deve ser tratada, geralmente, determinada pela sua idade. Afinal, se não for tratada, a febre pode levar a complicações sérias. Isso, principalmente, em crianças pequenas, idosos e pessoas com sistema imunológico comprometido.

Bebês e crianças

Até 3 meses. As crianças até aos 3 meses de idade devem, indiscutivelmente, ser examinadas por um médico se tiverem febre atingir ou ultrapassar 38 ° C. O exame médico é necessário mesmo se o bebê não apresentar outros sintomas.

Bebês de 3 a 6 meses. Dra. Marcin diz que é comum que nesta idade eles não necessitem de tratamento para febre até 38 ° C. É possível que um banho morno resolva. Contudo, se o bebê tiver outros sintomas, ou se a febre estiver acima de 38° C, deve-se buscar um pediatra.

De 6 meses a 2 anos. Nesta fase quando a temperatura atinge ou ultrapassa 38,5° C, as crianças podem tomar antitérmicos sob a supervisão de um médico. Ao mesmo tempo, informe ao pediatra se a febre persistir por mais de um dia, se piorar ou se não tomar medicamentos.

Crianças jovens e adolescentes

Crianças entre 2 e 17 anos geralmente não precisam de medicação para reduzir febres até 38° C. Eles podem se beneficiar de medicação se estiverem com sintomas como irritabilidade ou dor no corpo todo. Contudo, se a febre ultrapassar 38 ° C (102 ° F), a medicação pode ser usada para abaixá-la. Mas, atenção, caso o desconforto não passe ou se a febre persistir por mais de três dias, leve ao médico.

Adultos

Adultos acima de 18 anos. Normalmente não precisam de medicação para febre abaixo de 38, 5° C. As dicas acima, de como baixar a febre, costumam ser suficientes. Contudo, febres acima disso podem ser reduzidas por medicação. Neste caso, se a febre não responder ao tratamento, é melhor consultar um médico. Adultos com febre e outros sintomas, como dor na nuca, dor intensa em qualquer parte do corpo ou falta de ar, devem procurar atendimento médico imediato.

Idosos. A febre em adultos com mais de 65 anos de idade não requer tratamento especial. Embora seja preciso estar atento a sintomas como falta de ar ou confusão mental. Nestes casos, um médico deve ser consultado com urgência para baixar a febre e diagnosticar a causa.

Opinião médica: Dra. Judith Marcin [1]