Sua saúde

Coceira na garganta e tosse seca: quais as causas desses sintomas?

mulher com coceira na garganta e tosse tossindo muito

A coceira na garganta e tosse é um sintoma que incomoda bastante. Parece que tem algo preso ali e quando tentamos respirar vem a tosse seca constante.  A tosse causa desconforto e dor no peito, por forçar a musculatura torácica. É péssimo. Embora, a maioria das vezes esse sintoma seja causado por uma alergia respiratória, há outras causas. A verdade é que as variações de temperatura e o ar mais seco são condições propícias para o surgimento de gripes e alergias.

Durante a noite, a coceira na garganta e tosse pioram. Isso porque nosso corpo produz uma espécie de corticoide natural  que é secretado somente na parte da manhã. Dessa forma, à noite a quantidade da substância já está baixa, o que deixa nosso corpo mais debilitado. Isso, decerto, favorece as crises de coceira e tosse seca constante. Além disso, ao deitarmos, a drenagem das secreções fica prejudicada, o que causa um acúmulo nas vias respiratórias e excitando a tosse. Para estes casos, um bom remédio para tosse seca noturna pode ajudar a passar uma noite mais tranquila, até a visita ao médico.




Coceira na garganta e tosse: alergia respiratória

As alergias respiratórias são reações exageradas do nosso sistema imunológico a algumas substâncias. Podemos citar, por exemplo, o pelo de animais, pó ou pólen. Tais alérgenos desencadeiam doenças respiratórias como asma, rinite ou sinusite. Um estudo publicado na revista Medicina Universitaria [1], este tipo a alergia respiratória em crianças provoca alterações craniofaciais devido a constante necessidade de respirar pela boca. De acordo com o estudo, pelo menos 29% das crianças com rinite e asma apresentam essas alterações.

É comum que objetos que favorecem o surgimento de ácaros como cortinas, cobertores e tapetes desencadeiem crises importantes. Um bom xarope para tosse seca feito em casa é uma ótima saída para a tosse alérgica persistente. O que você vai sentir? Além da coceira na garganta e tosse, a pessoa tem muitos espirros seguidos, olhos vermelhos e lacrimejando e nariz vermelho e escorrendo. Ao mesmo tempo, podem ter ruído no peito e dificuldades para respirar.

Coceira na garganta e tosse: O que pode ser?

Infecções respiratórias

Algumas infecções respiratórias como amigdalite, faringite ou gripes podem deixar a garganta coçando no início do processo. Essa coceira desencadeia a tosse irritativa e depois pode evoluir para sintomas mais graves como dor ou inflamação no local. Somente um médico poderá tratar esse tipo de infecção. Se for uma amigdalite ou faringite bacteriana ele receitará antibióticos e anti-inflamatórios para aliviar a dor e a inflamação. Contudo, se for uma gripe ou de uma faringite viral, o tratamento consiste em tratar os sintomas como inflamação, dor e febre. Nesse caso decerto, receitará analgésicos, anti-inflamatórios e antipiréticos. O que você vai sentir? Além da coceira na garganta e tosse, os sintomas podem incluir também coriza, tosse, febre, coceira no ouvido, arrepios e desconforto ao engolir.

Coqueluche

Embora muitas pessoas pensem que não há mais risco de contrair a bactéria Bordetella pertussis causadora da Coqueluche. Mas, há relatos em diversos fóruns médicos de pessoas ou profissionais avisando sobre a volta da doença. Isso porque os movimentos antivacinas tem provocado esse surto. A coceira na garganta e tosse são sintomas de coqueluche. A doença evolui em três fases sucessivas: Fase 1 (sintomas de resfriado), fase 2 (tosse seca contínua) e fase 3 (tosse, falta de ar, vômito e febre). A transmissão, a saber, acontece através de gotículas de saliva expelidas por tosse, espirro ou ao falar. Assim, se você está com esses sintomas, já tomou tudo que é medicação, inclusive antibióticos e nada resolveu, é bom considerar a coqueluche.

Alergia alimentar ou a medicamentos

Você também, pode ter comido ou ingerido alguma coisa que desencadeou em uma reação inflamatória exagerada a uma substância específica. Pode ser um alimento ou um medicamento. O que você vai sentir? Além da coceira na garganta e tosse, pode manifestar coceira em diferentes regiões do corpo como na pele, olhos, nariz ou garganta. Além disso, pode haver inchaço em várias regiões do corpo, atingindo a boca e a língua e provocar graves dificuldades respiratórias.

Ar condicionado

Muitas vezes, o problema nem é de saúde e sim do uso de ar condicionado. Este aparelho pode, de fato, estar na origem da coceira na garganta, pois retira a umidade do ar, deixando-o mais seco. Como consequência, a garganta também fica ressecada e coça. Um estudo publicado na revista Imunologia Clínica [2] os sistemas de ar condicionados costumam estar perigosamente contaminados com micro-organismos patogênicos. Os autores relataram que o aumento na aquisição deste aparelho mostra um aumento persistente  de  diversas  doenças  alérgicas. Da qual, podemo citar a asma, bronquite e rinite nas  últimas  décadas. Assim, pode ser que abrir mão do ar condicionado melhore sua coceira na garganta e tosse. Ou se preferir, coloque uma bacia de água no quarto para melhorar a umidade do ambiente.

Artigos médico-científicos: Medicina Universitaria [1],  Imunologia Clínica [2]

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Topo