Sua saúde

Ferida no canto da boca: sintomas, causas e tratamentos. Veja fotos dos tipos

Ferida no canto da boca: imagens, sintomas, causas e tratamentos
Ferida no canto da boca: sintomas, causas e tratamentos. Veja fotos dos tipos
4.3 (86.67%) 3 votes

A ferida no canto da boca, conhecida popularmente como boqueira, tem nome médico de queilite angular ou estomatite angular.

Ela é caracterizada por manchas vermelhas inchadas nos cantos da boca, do lado de fora dos lábios.

Essa condição, a saber, pode ocorrer em um ou nos dois lados da boca.

Trata-se de uma lesão inflamatória e pode durar alguns dias ou ser um problema crônico. Assim, a queilite angular pode afetar pessoas de todas as idades, incluindo bebês.

Sintomas de queilite angular

Os sintomas de queilite angular aparecerão quase exclusivamente nos cantos da boca.

Muitas vezes é uma lesão pequenas, contuso, os sintomas podem ser bastante dolorosos.  Tem ferida no canto da boca, certamente sofre dos seguintes sintomas:

  • Sangramento no canto da boca
  • Dor ao abrir a boca
  • Vermelhidão e inchaço nos lábios
  • Lábios rachados sobretudo, no canto da boca
  • Bolhas, escamação e dor
  • Gosto amargo na boca
  • Sensação de queimação em nos lábios ou boca
  • Lábios ressacados e boca seca
  • E, por fim, dificuldade em comer

O que pode causar ferida no canto da boca

As causas de queilite angular podem variar bastante. Contudo, a razão mais comum para ferida no canto da boca é, decerto, a infecção por fungos.

Isso porque, a saliva pode se acumular e ficar presa nos cantos dos lábios. Logo, faz com que os lábios se rachem.

Com isso, a pessoa lambe os lábios na tentativa de aliviar a dor e o ressecamento. Essa saliva ficará nos cantos, que é o ambiente perfeito para que fungos cresçam.

Ao mesmo tempo, vírus e bactérias também podem causar ferida no canto da boca. Algumas pessoas, no entanto, têm mais risco de desenvolver queilite angular, como:

  • quando a pessoa tem uma saliência no lábio superior, criando ângulos mais profundos nos cantos na boca
  • candidíase oral (fungos)
  • herpes labial (vírus)
  • uso frequente de corticosteroides ou antibióticos
  • tem outras doenças inflamatórias, como a doença de Crohn
  • usar medicação retinoide (derivados de síntese da vitamina A)
  • usar aparelho ortodôntico
  • fumantes
  • doenças como anemia, diabetes, mononucleose infecciosa ou psoríase

Como saber o tipo de boqueira eu tenho?

Na verdade, como ferida no canto da boca tem várias causas possíveis, o ideal é procurar um médico para o diagnóstico e tratamento correto.

Afinal, o tratamento para a ferida causada por fungos é diferente da viral, que é diferente da bacteriana.

Sendo assim, o ideal é buscar um dermatologista para melhor diagnóstico e tratamento.

Geralmente, em um exame clínico, exame de sangue e entrevista médica já fornecerão dados suficientes para o diagnóstico.

Contudo, muitos médicos gostam de ir além e fazer uma raspagem local para pesquisa microscópica.

Aliás, os tipos abaixo citados também podem ser causas de ferida no canto da boca na gravidez e, ao mesmo tempo, causa de boqueira em bebês.

Ferida no canto da boca com bolhas

Quando surgem feridinhas no canto da boca com bolhas contento um líquido transparente, normalmente, trata-se do herpes labial.

O herpes labial (ou Herpes simplex) é uma doença infecciosa muito contagiosa, geralmente benigna, causada por vírus.

Quando ocorre esta infecção da mucosa, o vírus multiplica-se produzindo manchas vermelhas inflamatórias e bolhas dolorosas, desenvolvidas pela resposta destrutiva do nosso sistema imunológico.

As bolhas, portanto,  contêm um líquido contaminado pelo vírus e a sua ruptura junto à mucosa de outro indivíduo é uma forma de transmissão.

Os principais sintomas do herpes labial são, por exemplo:

  • Ferida no lábio;
  • Pequenas bolhas que doem quando tocadas, contendo líquido transparente;
  • Dor na boca e nos lábios;
  • Coceira e vermelhidão em um canto do lábio.
Ferida no canto da boca

O herpes labial é contagioso. No início as lesões são como pequenas bolhas com líquido transparente ou amarelado dentro. Depois de um tempo, as bolhas rompem e causam feridas com cascas. Pode aparecer em qualquer parte dos lábios, inclusive como uma ferida no canto da boca.

Ferida branca no canto da boca

Geralmente, este aspecto (como na imagem) é candidíase oral, uma doença causada por fungo, ou seja é uma micose.

A candidíase na boca e no lábio é conhecida como “sapinho” e acontece, sobretudo em pessoas que estão com o sistema imunológico enfraquecido.

Os sintomas geralmente afetam, ao mesmo tempo, a mucosa bucal e às vezes reflete no canto da boca externamente, e podem incluir:

  • Aparecimento de caroços ou aftas na língua ou bochecha;
  • Placas esbranquiçadas na boca, língua e garganta e ardência na boca;
  • Pode atingir esôfago e causar dor e dificuldade para engolir.

 

ferida no canto da boca

A candidíase oral é contagiosa causada por um fungo. Geralmente, aparece ferida no canto da boca com aspecto esbranquiçado. Geralmente, essas manchas surgem, ao mesmo tempo, também dentro da boca. Na maioria das vezes, são lesões bilaterais, acontecem ao mesmo tempo, nos dois cantos da boca.

 

Ferida no canto da boca que não cicatriza

Geralmente, esse quando surgem feridas somente nos cantos com difícil cicatrização, trata-se de ressecamento labial.

Esse sintoma, é muito comum no inverno quando o tempo fica frio e seco, ou então pessoas que dormem com o ar condicionado ligado todos os dias.

Mas por que não cicatriza? De fato, a cicatrização é demorada, pois todas as vezes que você abre a boca, a ferida que pode estar tentando cicatrizar, sofre novamente uma lesão.

A melhor forma de resolver essa questão é mantendo a hidratação nas áreas afetadas, isso pode ser feito com batons de manteiga de cacau ou hidratantes labiais.

Ao mesmo tempo, mantenha a área sempre limpa para evitar infecção por bactérias que poderiam piorar o quadro e demorar mais ainda a cicatrização.

 

Ferida no canto da boca

O ressecamento labial não é contagioso. É causado quando o tempo está seco ou frio, pessoas com pele sensíveis ou uso de medicamentos com fórmula ácida ou alcoólica. Geralmente, acontece nos dois cantos da boca, ao mesmo tempo.

Qual o melhor remédio para boqueira?

  • Sulfato de Neomicina + Bacitracina (bula): Quando há uma infecção bacteriana que causa uma ferida no canto da boca, o Sulfato de Neomicina + Bacitracina é a pomada para ferida na boca mais recomendada pelos médicos. Contém dois antibióticos, a neomicina e a bacitracina zíncica, que juntos inibem o crescimento de vários tipos de bactérias, sobretudo, as que costumam causar infecções de pele e de mucosas.
  • Omcilon – A Orabase (bula): Essa tem como princípio ativo um corticosteroide sintético. Por isso, tem excelente ação anti-inflamatória. Assim, é indicado para o tratamento auxiliar e para o alívio temporário de sintomas associados com lesões inflamatórias e lesões ulcerativas orais. Além disso, pode ser recomendada em caso de lesões por traumas, ressecamento em toda cavidade oral e nos lábios. Essa, é também um excelente remédio para afta.
  • Cetoconazol (bula): é uma pomada com ação antifúngica bastante recomendada para combater ferida no canto da boca causada por fungos. Assim, está indicada para candidíase oral, pois o medicamento age sobre a estrutura dos fungos responsáveis pela infecção eliminando-os rapidamente.

Alho é bom para boqueira?

O alho pode ser uma forma de como acabar com a boqueira com remédio caseiro.

Isso, no entanto, se sua ferida no canto da boca é de origem viral, ou seja, se for causada pelo vírus do herpes labial, sim, o alho pode ser uma excelente alternativa.

Você só precisa amassar o alho, fazendo uma pastinha e depositar sobre a ferida, por no máximo 3 minutos, duas vezes ao dia.

Mas para usar esse tratamento para herpes labial, não ultrapasse 3 minutos da pasta de alho na boca, pois o alho pode irritar e “queimar”a região.

Essa receita já foi testada cientificamente, e realmente pode funcionar, conforme publicação na Brazilian Journal of Pharmacognosy [1] .

O alho, no entanto, não pode ser eficiente para o tratamento de ressecamento labial e candidíase oral.

Quanto tempo dura a boqueira?

Se a origem for pelo herpes labial, mesmo sem qualquer tratamento, as feridas no canto da boca desaparecerão em, no máximo, duas semanas.

Contudo, se tiver origem fúngica (candidíase), o sistema imunológico não conseguirá vencer facilmente. Mas, se usar uma pomada para micose, o fungo não resistirá mais que 3 dias.

Ao mesmo tempo, se o ressecamento labial for a causa, pode se curar sozinho se a umidade do ambiente aumentar. Se usar hidratante labial, decerto, em no máximo uma semana, você estará curado.

Resumo

As principais causas da ferida no canto da boca são: herpes labial, candidíase e ressecamento labial.

O herpes não tem cura e é contagioso. Enquanto a candidíase desaparece com tratamento para micose, mas é também contagioso.

Contudo o ressecamento labial não é uma doença e se resolve facilmente. Além disso, não é contagioso.

Artigo médico-científico: Brazilian Journal of Pharmacognosy [1]

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Topo