Sua saúde

Vômito amarelo ou amarelado: Tudo que você precisa saber

vomito amarelado

O vômito amarelo, na maioria das vezes, indica a expulsão da bile que estava no estômago.

A bile – ou bílis – é um fluído produzido pelo fígado que se armazena na vesícula biliar.

A sua importância se dá diante da sua atuação na digestão de gorduras e, ao mesmo tempo, na absorção de substâncias nutritivas da dieta ao passarem pelo intestino.

Por que vomitamos?

O ato de vomitar significa, ao pé da letra, expulsar o conteúdo do estômago pela boca.

Trata-se de uma tentativa do nosso organismo de se livrar de substâncias, bactérias, vírus e parasitas que não estão fazendo bem.

Pode também ser um indicativo de problemas de saúde, sobretudo, doenças gástricas.

 É importante reconhecer que nem todo vômito é perigoso, já que é um reflexo de defesa, mas, isso não significa que seja correto negligenciar esse sintoma.

Algumas vezes o conteúdo expulso do estômago pode vir com cores diferentes, dentre elas, o vômito amarelo ou amarelado.

Causas de vômito amarelo ou amarelado

Depois de ser produzida no fígado, a bile que é secretada no duodeno, parte inicial do intestino, para auxiliar a digestão.

Mas, algumas vezes, quando o estômago está vazio o vômito acontece e a bile presente no duodeno pode ir para o estômago e ser eliminada junto com o conteúdo expulso.

Quando acontece só uma vez, vomitar bile não é considerado perigoso, mantenha sua hidratação bebendo pelo menos 1,5 litros de água por dia.

Mas, se o vômito amarelo é seguido e não para, é preciso procurar um médico.

Isso porque, o vômito excessivo coloca em risco de desidratação e, ao mesmo tempo, pode provocar desequilíbrio eletrolítico, que pode ser grave.

A seguir estão várias razões pelas quais você pode vomitar líquido amarelo amargo.

1. Ingestão de alimentos ou bebida amarelas

 Apesar de o vômito amarelo quase sempre indicar presença de bile, a ingestão de alimentos ou bebidas amarelas também colorem o vômito dessa cor.

Um bom exemplo é ingestão de sucos artificiais de laranja, ou refrigerantes com corantes como fanta®, sukita®, por exemplo.

Ao mesmo tempo, cenoura e milho colorem o vômito de amarelo, mas não tem significado médico algum.

2. Refluxo biliar

Essa condição corre quando há quantidades excessivas de bile no estômago e o organismo tenta se livrar disso, provocando vômitos biliares.

 As úlceras pépticas e a cirurgia do estômago, como a remoção de cálculos biliares, podem ser as principais causas do refluxo biliar.

Esta condição precisa da atenção de um médico, pois, pode resultar vômitos amarelos de bile todas as manhãs.

3. Presença de catarro

Engolir secreção respiratória (catarro) pode também provocar vômito amarelo.

Quando vômito com catarro quando não é frequente e não acompanha febre, não é considerado grave.

Esse tipo de vômito é, sobretudo, comum em crianças resfriadas ou gripadas.

4. Bloqueio intestinal

Como o nome sugere, essa condição acontece devido a um bloqueio do trato intestinal, normalmente causado por torção intestinal.

Essa, de fato, pode ser uma condição muito perigosa se não for tratada imediatamente.

O problema faz com que a comida se mova na direção oposta e induza o vômito.

É mais comumente visto como um defeito congênito que requer cirurgia.

5. Inflamação respiratória

As infecções do trato respiratório podem resultar no vômito da bílis amarela e ocorrem devido à infecção produzir grandes quantidades de muco (catarro).

Esse muco abriga bactérias e outros patógenos que viajam pela garganta e causam irritação no estômago.

Quando o muco chega continuamente no sistema digestivo e se abriga no estômago, pode causar muitas náuseas.

A pessoa então se sentirá constantemente enjoada e passa a vomitar a bílis amarela, rica em muco.

Assim que o tratamento da infecção for feito, o vômito amarelo desaparecerá completamente.

6. Mau funcionamento da válvula pilórica

Mais comuns em pessoas idosas, esta condição pode resultar em vomitar bile amarela devido ao mau funcionamento do esfíncter pilórico.

Durante a digestão normal, a bile é liberada no intestino delgado para ajudar na quebra das gorduras.

O esfíncter pilórico é uma abertura que separa o intestino delgado do conteúdo do estômago.

Nos casos em que este esfíncter não fecha adequadamente, a bile pode entrar no estômago, combinando-se com o ácido estomacal.

A condição causará azia, dor e vômito amarelo.

É aconselhável consultar um médico para avaliação imediata dessa suspeita.

7. Expectoração vômica

Embora seja muito raro, pus de infecções pulmonares pode sair tosse.

Na verdade, é uma eliminação de pus através da glote que é confundida com vômito amarelo.

vomito amarelo bile amarelado

O vômito amarelo, na maioria das vezes, indica a expulsão da bile que estava no estômago.

 O que comer depois de vomitar amarelo?

O vômito amarelo, como já dito, é causado, quase sempre pela presença da bile no estômago.

portanto, é aconselhável manter-se hidratado, mesmo se for incapaz de manter qualquer coisa no estômago.

Você pode conseguir isso bebendo pequenos goles de água, um de cada vez e bem devagar.

Substituir os eletrólitos perdidos também é muito importante e, ao mesmo tempo, beba algo doce, mas não muito doce, como suco de frutas para devolver o açúcar ao organismo.

Da mesma forma, comer bolachas salgadas pode ajudar a trazer seus níveis de sódio de volta aos níveis normais.

Junto com as bolachas, você pode tomar um chá com gengibre que é excelente para aliviar os sintomas de náusea e vômito.

Vômito amarelo na gravidez

É muito comum que as futuras mamães se sintam enjoada e vomitem pela manhã, sobretudo no primeiro trimestre de gestação.

Assim, como passaram várias horas sem se alimentar, é natural que o estômago esteja vazio e se o vômito acontece, a bile presente no duodeno pode ir para o estômago e ser eliminada no vômito.

Vômito amarelo em bebês

Assim como nos adultos, o vômito amarelo em bebês tem a ver com a bile no estômago.

Neste caso, será um vômito líquido como uma água amarela, com um pouco de espuma, talvez.

Ao mesmo tempo, se o bebê estiver gripado, com muco na garganta e pulmões, é muito comum que vomite uma gosma amarela, que é simplesmente catarro.

De qualquer forma, com bebê não se brinca, marque uma consulta com o pediatra.

Se os episódios de vômito não cessarem, leve na emergência, pois os bebês se desidratam muito facilmente e vomitar leva a desidratação.

Vômito amarelo e amargo

Todas as vezes que o vômito amarelo está relacionado à bile, ele será amargo.

Quando o vômito acontece de estômago vazio, ou seja, não tinha conteúdo para vomitar, ele sai amargo, espumoso e amarelo.

Considere, ao mesmo tempo, que esteja com refluxo gastroesofágico, que também tem gosto amargo e pode ter coloração amarela.

Vômito amarelo e amargo depois de beber

Quem costuma vomitar bile depois de beber, pode ter intolerância ao consumo exagerado de álcool.

Isso apenas indica a incapacidade do organismo de absorver o álcool consumido em excesso e, portanto, a matéria tóxica é jogada para fora do corpo, juntamente com a bile.

Uma vez que todo álcool for eliminado do organismo, os vômitos amarelos e amargos irão parar. Mantenha-se hidratado.

Conclusão

Em suma, na maioria das vezes, o vômito amarelo está relacionado a um conteúdo estomacal com bile.

Ao mesmo tempo, alimentos amarelos também podem provocar vômito amarelado, um bom exemplo são refrigerantes como Fanta e Sukita.

No mais, em qualquer uma das situações, vomitar leva a um desequilíbrio eletrolítico muito forte além de desidratação, portanto, beba muita água se estiver vomitando e busque ajuda médica.


Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Topo