Sua saúde

Hemograma com leucócitos baixos. O que pode ser?

Leucócitos baixos no hemograma

Hemograma com leucócitos baixos. O que pode ser?
3.6 (72.5%) 16 votes

Leucócitos baixos ou leucócitos altos no resultado do hemograma tem diferentes causas, algumas sim, muito graves, mas outras, não significa nada importante.

O hemograma é um dos exames mais pedidos pelos médicos pois é possível diagnosticar ou controlar a evolução de diversas doenças.

O exame avalia as células sanguíneas fazendo uma análise no sangue levando em conta as seguintes variáveis:




  • células brancas (leucócitos),
  • células vermelhas (hemácias),
  • hemoglobina (Hb),
  • hematócrito (Ht),
  • índices das células vermelhas,
  • e, por fim, contagem de plaquetas.

Hemograma Completo consiste do hemograma mais a contagem diferencial dos leucócitos.

O que é leucócitos no exame?

Os leucócitos fazem parte do sistema imunológico do nosso organismo.

Têm por função o combate e a eliminação de microrganismos e estruturas químicas estranhas ao organismo por meio de sua captura ou da produção de anticorpos, sejam eles patogênicos ou não.

A contagem leucocitária total normalmente varia de 4 mil a 12 mil células por milímetro cúbico.

 Normalmente cada pessoa tem um número de leucócitos específico, que permanece ao longo dos anos.

Isso significa que uma contagem pode ser problema para um, não necessariamente é problema para o outro.

Assim, definiu-se um valor normal para a contagem de leucócitos (4 mil a 12 mil).

Assim, uma quantidade muito pequena ou muito grande de leucócitos indica um problema.

Quando a quantidade de leucócitos é menor que 4.000 células/mL, chamamos de leucopenia e quando há um aumento na quantidade das células brancas (acima de 12.000 células/mL) chamamos de leucocitose.

Tanto um quanto o outro não são doenças, mas sim o indicativo de que algum problema pode estará acontecendo no corpo.

Leucócitos baixos

Leucopenia (contagem de leucócitos abaixo de 4000c/mL)

A leucopenia pode acontecer devido a infecções, doenças graves da medula óssea (como leucemia) ou em doenças inflamatórias e autoimunes.

Para diagnosticar certas doenças, os médicos observam o tipo de células brancas estão alteradas e qual a morfologia delas.

Por isso pedem Hemograma Completo que discrimina uma contagem diferencial dos leucócitos.

Sintomas de leucócitos baixos

Na verdade, você provavelmente não notará sinais de leucopenia.

Mas se as contagens de células brancas estiverem muito, muito, muito baixas, você pode ter sinais de infecção, como febre alta, arrepios e suor excessivo.

Os sintomas, portanto, serão de acordo com o motivo da contagem de leucócitos baixa e da morfologia das células.

Ao ler o resultado do hemograma, o médico irá cruzar seus sintomas e determinar a causa da leucopenia.

O que pode ser leucócitos baixos?

  • Infecções virais que perturbam a função da medula óssea.
  • Distúrbios congênitos caracterizados pela função diminuída da medula óssea.
  • Doenças autoimunes que destroem os glóbulos brancos ou células de medula óssea, como lúpus e artrite reumatoide.
  • Infecções esmagadoras que usam mais rápido do que eles possam ser produzidos
  • Medicamentos que destroem as células brancas do sangue ou causem danos na medula.
  • Doenças infecciosas. A aids e a tuberculose podem influenciar nos leucócitos deixando a contagem baixa.
  • Desnutrição. Falta de vitamina b12, folato, cobre e zinco também deixam leucócitos baixos.
  • Câncer. A leucemia, conhecida como câncer no sangue, também deixa os leucócitos bastante baixos.
  • Tratamentos contra o câncer. A quimioterapia, radioterapia e transplante de medula óssea causam leucopenia severa.

Remédios que deixam os leucócitos baixos

Alguns medicamentos também podem causar leucopenia, como por exemplo:

  • Bupropiona: antidepressivo que reduz a vontade de fumar
  • Clozapina: antipsicótico
  • Ciclosporina: imunossupressor
  • Interferon: medicamento biológico empregado para tratar a Hepatite C.
  • Lamotrigina: antiepiléptico e, ao mesmo tempo, estabilizador de humor.
  • Minociclina: um antibiótico do grupo das tetraciclinas.
  • Micofenolato mofetil: imunomodulador utilizado para prevenção da rejeição em transplantes.
  • Penicilina: antibiótico
  • Rapamicina : imunossupressor
  • Valproato de sódio: anticonvulsivantes e estabilizador de humor, usado, portanto, no tratamento de epilepsia, transtorno bipolar e enxaqueca.
  • Tacrolimus: imunossupressor

Doenças nas células do sangue ou da medula óssea

  • Anemia aplástica: uma rara doença hematológica caracterizada pela produção insuficiente de células sanguíneas na medula óssea.
  • Hiperesplenismo: condição médica onde, pelo aumento do volume do baço, a sua capacidade de reter e armazenar células sanguíneas aumenta.
  • Síndromes mielodisplásicas: neoplasias das células sanguíneas precursoras da medula óssea, caracterizada por um aumento na quantidade das células imaturas.
  • Síndrome mieloproliferativa: sinais clínicos e laboratoriais semelhantes resultantes da proliferação descontrolada das células da medula óssea.
  • Mielofibrose: uma disfunção da medula óssea.

Leucócitos baixos em idosos

Muitos fatores podem diminuir os números de glóbulos brancos. Na terceira idade, por exemplo, a diminuição dos glóbulos brancos em geral está relacionada a infecções por vírus ou bactéria.

Alguns medicamentos e o câncer também são causas de leucopenia em idosos.

O que significa neutrófilos baixos?

Os neutrófilos são um tipo de glóbulo branco.

Quando sua contagem é baixa significa que eles estão sendo usados e sendo destruídos em grande quantidade, geralmente, por combaterem uma infecção.

Então, neutrófilos baixos pode ser consequência de:

  • Infecção;
  • Doenças do sangue;
  • Alcoolismo;
  • Quimioterapia;
  • Estresse, entre outras causas.
leucócitos baixos leucopenia

Quando os neutrófilos estão baixos, indica que eles estão sendo usados e sendo destruídos em grande quantidade, geralmente, por combaterem uma infecção.

O que significa bastonetes ou bastões baixos?

Os bastonetes são neutrófilos imaturos. Assim, quando os bastonetes (ou bastões) estão baixos indica que há um problema na produção de neutrófilos ou há uma destruição em massa dessas células.

Esse condição pode ter diversas causas como, por exemplo:

  • problemas genéticos;
  • uso de medicamentos;
  • infecções e outras doenças.

O que significa monócitos baixos?

A monocitopenia, ou monócitos baixos, significa uma baixa produção dessas células pela medula óssea.

Essa condição é causada nas seguintes situações:

  • estresse;
  • terapia com imunossupressores;
  • leucemia aguda;
  • uso de corticoides;
  • e, por fim, anemia aplástica.

Conclusão

Chamamos de leucopenia a redução no número de leucócitos, por volume de sangue circulante.

Geralmente ter leucócitos baixos é uma condição temporária, embora sejam a principal causa para o encaminhamento de pacientes a um hematologista.

A leucopenia pode se manifestar por diversos fatores como por infeções virais, uso de drogas e câncer no sangue.

Em absolutamente TODOS os casos em que o médico pede um hemograma, ele é quem deve interpretar os resultados. Aqui, portanto, só esclarecemos o básico e isso não substitui uma consulta médica em hipótese alguma.

 

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Topo