Sua saúde

O que é tricomoníase? Quais são os sintomas e como pega?

O que é tricomoníase? Quais sintomas e como pega?

O que é tricomoníase? A tricomoníase é uma infecção causada pelo protozoário Trichomonas vaginalis que ataca o colo do útero, a vagina e a uretra. Acredita-se que 80% das pessoas com a doença não tenham sintomas. Contudo, quando ocorrem os primeiros sinais são coceira e ardência vaginal.

O que é tricomoníase e como se pega?




Embora poucos saibam, tricomoníase é uma doença sexualmente transmissível. Aliás, mesmo que, normalmente seja a mulher a interessada em saber o que é tricomoníase, os homens também podem desenvolver a infecção. Nas mulheres, o organismo causa uma infecção na vagina , na uretra ou em ambos. No entanto, nos homens, a infecção só acontece na uretra. Uma vez que a infecção começa, ela pode ser facilmente transmitida através do contato genital desprotegido.

Assim, sua transmissão ocorre por meio das relações sexuais ou contato íntimo com secreções de uma pessoa contaminada. Pode ser transmitida por mulher/homem e mulher/mulher. Em geral, afeta mais as mulheres. No entanto, é necessário que o companheiro (a) também faça o tratamento recomendado pelo médico.

 Uma publicação da Johns Hopkins Medicine [2] mostrou que mulheres com mais de 40 anos têm o dobro de chances de serem infectadas. Contudo, o grupo de risco são pessoas que:

  • Tem múltiplos parceiros sexuais
  • Tem uma história de outras DSTs
  • Teve infecções prévias por tricomoníase
  • Faz sexo sem camisinha

⚠️ Atenção: Além de saber o que é tricomoníase, é importante entender que a doença não se espalha através do contato físico normal, como abraçar, beijar, compartilhar pratos ou sentar-se em um assento de toalete. Além disso, não pode ser transmitido através de contato sexual que não envolva os genitais.

 Quais são os sintomas da tricomoníase?

Estranhamente, a tricomoníase, geralmente, não apresenta sintomas. Uma publicação da Clinical Infectious Diseases [1] revelou que 85% das mulheres que pegam o protozoário não apresentam qualquer sintoma. Contudo, quando os sintomas ocorrem, eles geralmente começam de cinco a 28 dias depois da infecção. Mesmo assim, em algumas pessoas o processo pode levar muito mais tempo. Os sintomas mais comuns entre as mulheres são:

  • Corrimento amarelo, mas que também pode ser branco, cinza ou esverdeado, e geralmente espumoso
  • Corrimento com mau cheiro
  • Sangramento vaginal fraco
  • Coceira e ardência vaginal
  • Genitais vermelhos e inchados
  • Desejo frequente de urinar e dor durante a micção


  • Dor na relação sexual

Para os homens, os sintomas são poucos, porém, intensos:

  • corrimento na uretra
  • Queimação enquanto urina ou após ejacular
  • vontade de urinar com frequência

Por que ocorre coceira e ardência na vagina?

O Trichomonas vaginalis é um parasita que só infecta o ser humano; costuma viver na vagina ou na uretra, mas pode também ser encontrado em outras partes do sistema geniturinário. Por viver principalmente na parte interna da vagina, essa doença causa microlesões e dores, e pode até levar ao desenvolvimento de outras DSTs. Um dos primeiros sintomas da tricomoníase é a coceira na vagina e a ardência ao urinar. Se não for tratada a mulher poderá ter um corrimento amarelo ou esverdeado e corrimento com mau cheiro. Além disso, dores durante o sexo, culminado com dor na barriga.

Nos homens a tricomoníase raramente apresentam sintomas e geralmente, eles nem sabem que estão infectados. Entretanto, em casos que a infecção alcança um nível elevado, podem passar a sentir irritação na parte interna do pênis, um leve corrimento e ardor ao urinar ou ejacular.




O que é tricomoníase? Quais sintomas e como pega?

O que é tricomoníase? É uma infecção causada por um protozóario. Um dos principais sintomas  é a coceira na vagina ou prurido vaginal.

Como é feito o diagnóstico?

O diagnóstico para coceira vaginal consiste em um exame pélvico mostra manchas vermelhas na parede vaginal ou colo do útero. Em seguida, utiliza-se o exame do conteúdo vaginal ao microscópio, de fácil interpretação e realização. Colhe-se uma gota do corrimento, coloca-se sobre a lâmina com uma gota de solução fisiológica. Em seguida, observa-se ao microscópio, buscando o parasita flagelado. Vários deles, decerto, estarão movimentando-se ativamente entre as células epiteliais e os leucócitos. O achado de T. vaginalis impõe o tratamento da pessoa e também do seu parceiro ou parceira sexual, já que se trata de uma DST. Além disso, o médico pode pedir exames de sangue, como hemograma completo e exame de urina. A coceira na vagina e a ardência ao urinar só irá parar com o tratamento.

Como a tricomoníase é tratada?

A tricomoníase pode ser curada com antibióticos. O médico pode recomendar metronidazol (Flagyl) ou tinidazol (Tindamax). É importante, contudo, não beber álcool nas primeiras 24 horas após tomar metronidazol ou nas primeiras 72 horas após tomar tinidazol. Pode causar náuseas e vômitos graves.

Outra atitude importante é cuidar para que seus parceiros sexuais examinados e que tomem a medicação. Não ter os sintomas não significa que eles não tenham a infecção. Ao mesmo tempo, é preciso evitar contato sexual por uma semana após todos os parceiros terem sido tratados. Logo no início do tratamento a coceira na vagina e o corrimento com mau cheiro devem parar completamente.

artigos médico-científicos: Clinical Infectious Diseases [1]  Johns Hopkins Medicine [2]

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Topo