Sintomas de intolerância a lactose. O que você vai sentir se tiver a doença?

9473
Sintomas de intolerância a lactose: 5 sinais básicos que indicam a doença

Os sintomas de intolerância a lactose geralmente começam de 30 minutos a duas horas depois de comer ou beber alimentos que contêm lactose. Sinais e sintomas comuns incluem:

  • ardência e assadura anal
  • barriga inchada
  • excesso de gases
  • cólicas abdominais
  • diarreia com ardência
  • e, por fim, barulhos na barriga

Por que temos intolerância a lactose?

Nosso intestino delgado temos milhares de células que liberam uma enzima chamada “lactase”, responsável principalmente pela digestão da lactose presentes nos derivados de leite, como queijos, requeijão, iogurte, leite, etc. É completamente diferente da síndrome do intestino irritável, da doença celíaca e da alergia ao leite. Quando é mal absorvida, ela é fermentada pela flora intestinal, o que resulta na produção de gases e ácidos orgânicos que provocam a tão temida diarreia osmótica, com grande perda dos líquidos orgânicos. Os sintomas de intolerância a lactose, a saber, são clássicos e muito fáceis de identificar.

Algumas pessoas, decerto, nascem sem a capacidade de produzir lactase e por causa disso, não podem digerir a lactose e consequentemente sofrem desarranjos intestinais na presença de qualquer derivado de leite. Ao mesmo tempo, bebês que nascem com essa incapacidade se quer podem ser amamentados. De qualquer forma, mesmo não nascendo com essa deficiência, a intolerância a lactose pode aparecer em qualquer época da vida. Assim, seja de forma crônica ou temporária, principalmente diante de uma intoxicação alimentar que danificou a mucosa intestinal.

Sintomas de intolerância a lactose

Ao ingerir derivados de leite, você  passa por maus bocados?  Na verdade, a intensidade dos sintomas de intolerância a lactose é diferente em cada um. Além disso, o grau de insuficiência da enzima lactase de cada pessoa, pode ser diferente. Uma publicação do American Journal College Of Nutrition [1]  que você estará sentindo se realmente for intolerante a leite e seus derivados.

Você sente ardência e assadura anal?  Quando você ingere derivados de leite, a fermentação da lactose pelas bactérias produz ácidos, o que torna as fezes mais ácidas.  e pode causar irritação (assaduras) na região anal. A produção de ácidos orgânicos é tão grande (pH em torno de 6,0) que provoca ardência anal e assadura.

Você tem barriga inchada e produz muitos gases? Também por causa da fermentação da lactose, quando você ingere derivados de leite, há uma produção excessiva de gases intestinais. Isso faz com que o abdômen fique sempre inchado, com sensação de estufamento da barriga.

Você sente cólicas e dores abdominais? Um dos sintomas de intolerância a lactose mais clássicos^, decerto, são as cólicas abdominais (dor de barriga) ao ingerir leite. É uma cólica que leva a uma urgência (urgência mesmo!) em defecar.

Você tem diarreias que saem ardendo o ânus? As doloridas diarreias osmóticas acontecem todas as vezes que você ingere derivados de leite. Como já explicado, as fezes saem moles e com um teor ácido muito alto. Assim, as diarreias parecem quentes e ardem o ânus.

Sua barriga faz barulhos quando você toma leite? Outro dos sintomas de intolerância a lactose que você certamente vai ter se tiver a doença. Essa intolerância leva a movimentos intestinais intensos. Isso porque, o organismo quer acelerar a saída do que está fazendo mal. Isso, a saber, causa um reboliço no intestino fazendo ruídos abdominais.


Quem corre o risco de ter intolerância a lactose?

Fatores que podem tornar as pessoas mais propensas à intolerância à lactose:

  • Idade. A intolerância à lactose geralmente aparece na idade adulta. A condição é incomum em bebês e crianças pequenas.
  • Etnia. Os sintomas de intolerância à lactose é mais comum em pessoas de ascendência africana, asiática, hispânica e americana.
  • Nascimento prematuro. Os bebês nascidos prematuramente podem ter níveis reduzidos de lactase. Isso porque o intestino delgado não desenvolve células produtoras de lactase até o final do terceiro trimestre.
  • Doenças que afetam o intestino delgado. Problemas do intestino delgado que podem causar intolerância à lactose. Dessa forma, o supercrescimento bacteriano, doença celíaca e, por fim, doença de Crohn também levam a sintomas de intolerância a lactose.
  • Certos tratamentos de câncer. Pessoas que receberam radioterapia para câncer em seu abdômen ou tem complicações intestinais decorrentes da quimioterapia.

⚠️ Só um alerta: Se você se sentir mal depois ingerir um produto derivado do leite, não obrigatoriamente, se trata de intolerância à lactose. Contudo, se toda vez que você ingere derivados de leite, se sente com os sintomas de intolerância a lactose citados acima, busque orientação médica. Isso porque, os testes para intolerância a lactose, precisam ser feitos.

Artigo médico-científico: American Journal College Of Nutrition [1]

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos.