Sua saúde

Hormônio do sono: A melatonina resolve mesmo problemas com insônia? Como tomar?

Hormônio do sono melatonina, para que serve Como tomar melatonina ciclo circadiano

O hormônio do sono, como muitas pessoas chamam a melatonina tem virado moda. Atualmente, o uso de melatonina comprada em lojas de produtos naturais, com o objetivo de restabelecer o sono. Algumas pessoas usam para insônia, outras usam para dormir melhor. Não importa! O fato é que muita gente não sabe como usar, o que é e se ela regula mesmo o sono.

Melatonina, para que serve?




A melatonina é um hormônio natural do nosso organismo, sintetizado pela glândula pineal. Ou seja, é uma substância naturalmente produzida pelo nosso corpo e todo mundo a produz. Até porque, a melatonina tem a importante função regular e melhorar a qualidade do sono. Assim, a secreção desta substância, ocorre exclusivamente à noite. Um estudo publicado na revista científica Sleep Medicine (1) diz que a síntese inicia por volta de 2 horas antes do horário habitual de dormir. Contudo, atinge níveis plasmáticos máximos entre 03:00 e 04:00 horas da manhã, dependendo, obviamente, do ciclo circadiano de cada pessoa.

Mas não é só isso, de acordo com um estudo publicado na Revista Brasileira de Neurologia (2)  está também envolvida em funções imunomodulatórias, anti-inflamatórias, antitumorais, antioxidantes, e cronobióticas. Ao mesmo tempo, como já dito, está relacionada com o sono, redução da temperatura corporal e eventos noturnos.

Como tomar hormônio do sono?

A melatonina é considerada um promissor no tratamento de insônia. Assim, a melatonina pode ser ingerida na forma de suplemento. Dessa forma, ajudam a facilitar os mecanismos do sono. Pode ser encontrado nas farmácias, lojas de produtos naturais ou farmácias de manipulação. Nas farmácias, os nomes mais comuns são Melatonina Optimum e Melatonin, por exemplo.

Uma dúvida recorrente das pessoas é de como tomar o hormônio do sono. Apesar de ser um hormônio natural, produzido por todos nós, ele não deve ser ingerida sem recomendação médica. Assim, um neurologista ou especialista em distúrbios do sono saberá exatamente a dosagem necessária e segura para cada um.

De acordo com a Bula(3) , os efeitos colaterais podem incluir sonolência, dor no peito, irritabilidade, nervosismo, agitação, insônia, pesadelos, ansiedade, enxaqueca. Ao mesmo tempo há relatos de ganho de peso e alterações hepáticas. Menores de 18 anos, grávidas e alcoólicos não devem ingerir o medicamento, há menos que o médico recomende.

Melatonina regula o ritmo circadiano?

A resposta é sim. Aliás, regular o ritmo circadiano é uma das funções do hormônio do sono. De acordo com a Bula(3), a melatonina está associada ao controlo dos ritmos circadianos, à indução do ciclo luz-escuro, ao efeito hipnótico e ao aumento da propensão para dormir e a sua produção aumenta pouco depois de começar a escurecer.

Artigos científicos: Sleep Medicine (1) Revista Brasileira de Neurologia (2)

 


Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Topo