Sua saúde

Inflamação no olho: vermelhidão, inchaço, dor, coceira e irritação. Vejas as possíveis doenças!

Causas comuns da inflamação no olho

A inflamação no olho geralmente resulta de uma infecção por vírus, fungos ou bactérias.

Mas, a causa do olho inflamado também pode ser inespecífica.

Diferentes quadros clínicos podem surgir dependendo de quais partes do olho são afetadas.

No entanto, o diagnóstico deve ser feito por um oftalmologista porque a inflamação do olho também pode progredir para uma forma grave.

Como já dito, o processo inflamatório ao redor do olho pode afetar diferentes partes.

O termo “inflamação do olho” serve como um termo genérico para as várias doenças inflamatórias.

Diferentes sintomas e queixas são prevalentes dependendo do quadro clínico e não uma doença grave que ameace a visão a curto prazo.

Normalmente, o olho inflamado é resultado da inflamação afeta a conjuntiva, ou a córnea, ou a pálpebra, ou a úvea.

Vamos ver a seguir, as condições clínicas mais comuns que causam inflamação no olho e provavelmente, o seu caso é um dos citados abaixo.

Causas comuns da inflamação no olho

Pode ser uveíte

O que é uveíte? Trata-se de uma inflamação da úvea, ou seja, uma condição inflamatória  da região do olho composto pela íris (estrutura que dá cor aos olhos), corpo ciliar e coroide (composto basicamente por vasos sanguíneos).

A inflamação da úvea, também conhecida como camada média do olho, pode ter causas infecciosas, quando vírus, bactérias e outros organismos atacam a região ou condições não infecciosas, quando a irritação se dá por produtos químicos, por exemplo.

Uveíte geralmente não é grave, mas precisam ser ratados quanto antes.

Os sintomas da uveíte podem ocorrer em um ou nos dois olhos e são:

  • vermelhidão grave nos olhos
  • dor
  • pontos flutuantes escuros na visão
  • sensibilidade à luz
  • visão embaçada
Uveíte Inflamação no olho

Olho com uveíte: doença inflamatória que tem como principais sintomas a hiperemia (olho vermelho), fotofobia, dor e visão turva e embaçada.




As causas da uveíte, geralmente, envolvem a exposição de alguma toxina que penetra no olho e a traumas.

Contudo, podem estar associadas a outra doença, como alguma doença autoimune ou uma infecção por vírus, ou bactérias.

O tratamento da uveíte depende da causa e do tipo de uveíte.

Geralmente, é tratada com colírios e antibióticos ou antifúngicos, quando é o caso.

O objetivo do tratamento é reduzir a inflamação nos olhos.

Pode ser Conjuntivite

O que é conjuntivite? Trata-se de uma inflamação ou infecção na membrana transparente (conjuntiva) que cobre a pálpebra e a parte branca do globo ocular.

A característica mais marcante da conjuntivite é a vermelhidão dos olhos.

Isso acontece porque quando os pequenos vasos sanguíneos na conjuntiva ficam inflamados, eles se tornam mais visíveis.

⚠️ Mas, atenção: a conjuntivite pode ser contagiosa, por isso o diagnóstico e o tratamento precoces limitam  que a doença seja transmitida a outras pessoas próximas a você.

Os sintomas da conjuntivite mais comuns incluem:

  • Vermelhidão na parte branca do olho
  • Inflamação da conjuntiva ou das pálpebras
  • Alta produção de lágrimas
  • Sensação de corpo estranho nos olhos e vontade de esfregar os olhos
  • Coceira, irritação ou queimação
  • Secreções (pus ou muco)
  • Formação de crostas nas pálpebras ou cílios, especialmente pela manhã
  • As lentes de contato não são confortáveis ​​ou se movem durante o uso
conjuntivite Inflamação no olho

Olho com conjuntivite: inflamação da membrana externa do globo ocular (o branco dos olhos) e o interior das pálpebras. Os principais sintomas da conjuntivite são: vermelhidão nos olhos, coceira e olhos lacrimejantes.

As causas da conjuntivite, geralmente, são:

  • Vírus e bactérias (conjuntivite viral e bacteriana)
  • Alergias (conjuntivite alérgica)
  • Produtos químicos que atingiram os olhos (Conjuntivite química)
  • Objeto estranho nos olhos
  • Nos recém-nascidos, ducto lacrimal entupido

O Diagnóstico e o tratamento é feito com auxílio médico.




Pode ser terçol

O que é terçol? Trata-se de uma inflamação que ocorre na borda das pálpebras que ficam entupidas ou infectadas por uma bactéria formando uma pequena bolsa com pus.

Esse nódulo é vermelho, desconfortável e se parece com um furúnculo ou uma espinha.

Assim, os sintomas de terçol, geralmente, são:

  • nódulo na pálpebra
  • inchaço da pálpebra
  • dor, vermelhidão e queimação
  • crosta das margens das pálpebras
  • pálpebra caída
  • coceira nos olhos
  • visão embaçada
  • formação de muco no olho
  • sensibilidade à luz
  • desconforto ao piscar
  • a sensação de areia nos olhos
terçol inflamação no olho

Olho com terçol: inflamação que surge nos olhos por causa de uma bactéria e, como as bactérias já estão presentes no nosso organismo, não passa de uma pessoa para outra.

Os terçóis externos, fora da pálpebra, podem ficar amarelos e liberar pus, assumindo uma “cara” bem bizarra.

Já os internos, geralmente não expelem pus, mas tendem a ser mais dolorosos e demorarem mais para se curar.

Na maioria dos casos, os terçóis melhoram dentro de uma semana sem qualquer intervenção médica, mas isso não é regra.

O tratamento para o terçol consiste somente da aplicação de uma compressa morna no olho afetado para ajudar a liberar o pus mais rapidamente e a resolver a dor e o inchaço.

Pode ser Blefarite

O que é blefarite?  Trata-se simplesmente da inflamação das pálpebras.

Muitas vezes, aparece quando as pequenas glândulas sebáceas que estão próximas à base dos cílios estão entupidas deixando os olhos vermelhos e irritados.

Normalmente, a blefarite é uma condição crônica e o tratamento não costuma ser fácil.

Mesmo assim, a blefarite  não causa dano permanente à visão ou é contagioso.

Os sintomas de blefarite são os seguintes:

  • Olhos lacrimejantes e vermelhos
  • Sensação de areia, ardor ou fisgadas leves nos olhos
  • Pálpebras de aparência gordurosa
  • Coceira nas pálpebras
  • Pálpebras vermelhas e inchadas
  • Descamação da pele ao redor dos olhos
  • Cílios com crosta e pálpebras pela manhã
  • Sensibilidade à luz
  • Perda de cílios
blefarite Inflamação no olho

Olho com blefarite: uma inflamação comum que afeta as pálpebras, normalmente na região onde crescem os cílios, fazendo com que elas cocem, fiquem vermelhas e irritadas.

Os médicos  dizem que as causas da blefarite são desconhecidas, mas está normalmente associada a uma ou mais condições.

Por exemplo, normalmente, a blefarite está relacionada a dermatite seborreica que é a presença de caspa no couro cabeludo e sobrancelhas.

Outra condição relacionada é a acne rosácea, uma doença de pele caracterizada por vermelhidão facial.

E, por fim, pessoas que sofrem de alergias, incluindo reações alérgicas a medicamentos oculares, soluções para lentes de contato ou maquiagem dos olhos também estão relacionados a blefarite.

O tratamento para blefarite envolvem medidas de autocuidado, como lavar os olhos e aplicar compressas quentes.

Se isso não for suficiente, o médico poderá prescrever medicamentos como antibióticos, pomadas esteroides e colírios.

A má notícia é que a blefarite raramente desaparece completamente.

Pode ser ceratite

O que é ceratite ou queratite? Trata-se de uma condição em que a córnea fica inchada ou inflamada, deixando o olho vermelho, doloroso e com a visão comprometida.

As causas de ceratite, que também é conhecida como úlcera de córnea, pode ser bacteriana, viral, fúngica ou parasitária.

Ao mesmo tempo, os usuários de lentes de contato precisam se lembrar de que a ceratite infecciosa pode resultar da falta de cuidado adequada das lentes de contato.

Ainda, existe uma forma não infecciosa de ceratite que pode ser causada por um simples arranhão ou pelo uso excessivo das lentes de contato.

De acordo com a Academia Americana de Oftalmologia os sintomas da ceratite incluem:

  • Olho vermelho e muito dolorido;
  • Lacrimejamento e  secreção nos olhos;
  • A dor ou irritação que dificulta a abertura da pálpebra;
  • Sensação de queimação, coceira ou areia nos olhos;
  • Inchaço ao redor dos olhos;
  • Um sentimento de que algo está nos seus olhos;
  • Visão embaçada;
  • Fotofobia.
ceratite Inflamação no olho

Olho com ceratite ou queratite: é uma inflamação na córnea, a camada transparente que protege os olhos. Pode ser causada por secura, lesão física ou química, vírus, bactérias, amebas, fungos ou vermes.

O tratamento da ceratite depende do tipo e gravidade desse problema da córnea.

Colírios antibacterianos ou antifúngicos podem ser usados ​​para tratar infecções da córnea.

Muitas vezes há necessidade de colírios esteroides para redução da inflamação e inchaço.

Perguntas frequentes

Quais os sintomas de inflamação nos olhos?

Seja qual for a causa da sua inflamação no olho, os sintomas quase sempre são:

Por que o olho inflama?

A inflamação nos olhos é uma resposta comum do organismo diante de algum corpo estranho ou microrganismo em contato com as estruturas oculares.

Assim, bactérias, fungos, vírus, poeira, produtos de limpeza, produtos de higiene podem causar inflamação nos olhos.

A maioria dos tipos de inflamação oculares não são contagiosas, com exceção da conjuntivite.

O que fazer quando o cílio inflama?

O ideal nesses casos, seja qual for a causa, é manter o olho sempre limpo.

Você pode usar água morna com o shampoo johnsons neutro infantil (aquele amarelinho).

Faça uma espuma com os dedos e lave o olho e a sobrancelha com essa espuma.

Além disso, faça pelo menos 3 compressas mornas diárias.


Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Topo