Homem

Candidíase no homem: fique atento à saúde íntima da sua parceira. Candidíase, que acomete 50% das mulheres, pode ser transmitida para vocês

Candidíase no homem: 50% das mulheres podem transmitir o fungo

Candidíase no homem: fique atento à saúde íntima da sua parceira. Candidíase, que acomete 50% das mulheres, pode ser transmitida para vocês
5 (100%) 5 votes

A candidíase no homem não é nenhum bicho-de-sete-cabeças, porém é uma doença mais comum nas mulheres. Nelas, a candidíase se manifesta com coceira intensa, muitas vezes, na região genital, vermelhidão e inchaço na região genital, placas esbranquiçadas na vagina, corrimento esbranquiçado com grumos, semelhante a leite talhado, dor ou queimação ao urinar e desconforto ou dor durante o contato íntimo. O que muita gente imagina é que é a candidíase é algo exclusivo das mulheres. Contudo, a candidíase no homem também pode acontecer. Ou seja, as  mulheres podem transmitir essa doença aos seus parceiros.

É uma infecção fúngica causada por leveduras do gênero Candida, sendo a espécie C. albicans a mais prevalente. Esta levedura está presente naturalmente na microbiota natural da região íntima da mulher, porém, um aumento da proliferação destes organismos pode ocasionar a infecção. É uma micose tão comum que estima-se que 3 em cada 4 mulheres terão pelo menos um episódio de candidíase vaginal ao longo da vida. De acordo com um estudo publicado na Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia(1), a candidíase é um dos diagnósticos mais frequentes em ginecologia. Ao mesmo tempo, é o tipo mais comum de vaginite aguda nos países tropicais.

O artigo médico aponta que mulheres  que usam roupas íntimas justas e/ou sintéticas, bem  portadoras de doenças alérgicas, apresentam pelo menos 3 vezes mais chances de desenvolverem a infecção. Por isso, vale alertar também os homens, pois a parceira estiver colonizada com grandes populações deste fungo, durante o ato sexual uma grande quantidade dele pode ser transferida para o pênis. Isso poderá causar candidíase no homem.




Candidíase no homem: Como saber se você tem?

A candidíase no homem se manifesta como uma infecção da glande ou do prepúcio, que são chamadas, respectivamente, de balanite ou balanopostite por Candida. Os sintomas mais comuns no homem são a vermelhidão, inchaço e a dor na glande. Placas brancas, semelhantes às que ocorrem na língua na candidíase oral, também são comuns no pênis. Veja a imagem!



Candidíase no homem: 50% das mulheres podem transmitir o fungo

Clique na imagem para aumentar!

A candidíase no homem se manifesta com lesões que causam coceira intensa. Isso, juntamente com ardência após o ato sexual, ou masturbação. Ao mesmo tempo, é comum o surgimento de pequenas bolhas, úlceras, feridas, descamação da pele. Nos homens, o tratamento pode demorar até 3 semanas. Dessa forma, normalmente é feito com antifúngicos por via oral ou tópica. Procurar um médico e fazer o tratamento correto é crucial.



  artigo científico: (1)

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


O Diário de Biologia é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de assuntos relacionados a Biologia, Saúde e Pesquisa. O material fornecido na categoria saúde, nutrição e bem-estar, não deve ser usado como conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos.
Topo