Sua saúde

Alimentos Low Carb: Finalmente um guia da Dieta Low Carb para iniciantes

receita e cardápio de alimentos da dieta low carb
Alimentos Low Carb: Finalmente um guia da Dieta Low Carb para iniciantes
4.8 (95%) 4 votes

Alimentos Low Carb são aqueles pobres em carboidratos e os grandes responsáveis pelo sucesso da Dieta Low Carb.

Isso quer dizer que, ao invés de comer alimentos açucarados, massas e pão, você come alimentos permitidos na Low Carb, ou seja, com a menor taxa de carboidratos possíveis, incluindo proteínas, gorduras e vegetais naturais.

De acordo com publicação do PlosOne [1], as dietas com baixo teor de carboidratos resultam, realmente, em perda de peso e melhores marcadores de saúde.

O melhor delas é que, normalmente, não há necessidade de contar calorias ou usar produtos especiais — tudo que você precisa fazer é comer os alimentos permitidos na dieta Low Carb.

O que é Dieta com alimentos Low Carb?

Uma dieta Low Carb funciona exigindo que você coma o mínimo possível de carboidratos e uma maior proporção de gordura.

Essa é também conhecida como Dieta Lipídica ou Dieta Cetogênica.

Há décadas escutamos que a gordura é prejudicial à nossa saúde.

Enquanto isso, os produtos light com baixo teor de gordura, muitas vezes cheios de açúcar, tomaram conta das prateleiras dos supermercados.

Foi um grande erro, pois, coincidiu com o início da epidemia mundial de obesidade.

Vários estudos atuais mostram agora que não há razão para temer as gorduras naturais.

Ao mesmo tempo, em uma dieta com cardápio Low Carb, você pode comer toda a gordura que precisa para se sentir saciado e, ao invés disso, minimizar a ingestão de açúcar e amido.

A maioria das pessoas acaba comendo comidas deliciosas, como churrascos e omeletes e ainda perder peso.

Como funciona a dieta Low Carb?

Basicamente, funciona assim: quando você evita açúcar e amidos, seu nível de glicose no sangue tende a se estabilizar e os níveis de insulina do hormônio de armazenamento de gordura diminuem.

Uma pesquisa da Diabetes Research Of Clinical Pratice [2], comprovou que uma dieta pobre em carboidratos pode facilitar a perda de peso e controlar o açúcar no sangue, entre outros benefícios.

Isso aumenta a queima de gordura e faz você se sentir mais saciado, reduzindo a ingestão de alimentos e causando perda de peso.

O que comer na Dieta Low Carb?

O básico dessa dieta é:

  • Pode comer: carne, peixe, ovos, vegetais que crescem acima do solo e gorduras naturais (como manteiga).
  • Não pode comer: açúcar e alimentos ricos em amido (como pão, macarrão, arroz e feijão)  e vegetais que crescem no solo (mandioca, batata, batata-doce).

Além disso, é importante que coma quando estiver com fome, até que esteja satisfeito.

Então, por ser tão simples, você não precisa contar calorias nem pesar sua comida.

Mas, evite alimentos industrializados e ricos em gordura, como salsicha, presunto, etc.

Clicando aqui, você conhecerá um >> Guia com 235 receitas Low Carb << superfáceis, baratas e acessíveis.

Quem não pode fazer dieta Low Carb?

A maioria das pessoas pode iniciar com segurança uma dieta com alimentos Low Carb.

Há, no entanto, três situações em que você pode precisar de alguma preparação ou orientação médica:

  1. Se você é diabético é faz uso de insulina.
  2. Se você tem pressão alta e faz uso de medicamentos para controle.
  3. Se você está amamentando ou grávida.

Mas, se você não está em nenhum desses grupos, siga com o projeto e veja a história de sucesso de pessoas que seguiram o >> Guia com 235 receitas Low Carb <<.

Dieta Low Carb: alimentos permitidos

Todos os alimentos que possuem menos que 5 gramas de carboidrato para cada 100 gramas do alimento, são considerados alimentos Low Carb.

Preparamos então, um guia visual, baseado no >> Guia com 235 receitas Low Carb << que possui  tudo que você precisa saber antes de começar a dieta Low Carb.

alimentos low carb

Todos os alimentos acima estão abaixo de 5% de carboidratos. Aderindo a estes alimentos low carb fará com que seja relativamente fácil de ficar em uma >> Dieta Low Carb<<, com menos de 20 gramas de carboidratos por dia. Imagem:dietadoctor.com

Alimentos proibidos na Dieta Low Carb

alimentos e receitas low carb

Aqui está o que você não deve comer. Tire da sua despensa tudo que for rico em carboidratos – cheios de açúcar e amido. Os números são gramas de carboidratos digestíveis por 100 gramas de alimento. Imagem:dietadoctor.com

  • Açúcar: A pior escolha. Esqueça refrigerantes, doces, sucos, bebidas esportivas, chocolate, bolos, pãezinhos, doces, sorvetes, cereais matinais — evite todos.
  • Amido: Farinha, produtos de trigo ou outros grãos de cereais refinados, mesmo se rotulados “sem glúten”. São proibidos pães, macarrão e biscoitos. Evite, até mesmo grãos integrais. Além disso, nada de batatas (batatas doces também), produtos de milho e pipoca.
  • Feijões e lentilhas: também são relativamente ricos em carboidratos, então eles não são boas opções de baixo carboidrato.
  • Cerveja: Feita a partir de grãos fermentados e lúpulo, a cerveja é basicamente pão em forma líquida.
  • Frutas: Muita atenção, algumas frutas podem ser ricas em carboidratos como mirtilo, framboesa e morango.

Bebidas permitidas na Dieta Low Carb

alimentos low carb dieta bebidas

Quais bebidas são boas em uma dieta Low Carb? A água é perfeita, assim como o café ou o chá. De preferência, não use adoçantes e modere a quantidade de leite ou creme no café e no chá. Imagem:dietadoctor.com

 

Benefícios potenciais da dieta Low Carb

Carboidrato parece tão saboroso, não é?

Por que você consideraria, então, comer menos carboidratos?

Na verdade, existem muitos benefícios potenciais, comprovados pela ciência e apoiados pela experiência clínica, como, por exemplo:

1. Perda de peso

A maioria das pessoas começa a dieta com alimentos Low Carb para perder peso.

Afinal, de acordo com publicação do Britanical Journal Of Nutrition [3], as dietas Low Carb são amplamente mais eficazes que outras dietas.

A diminuição do carboidrato facilita a perda de peso sem passar fome e sem contar calorias.

De fato, como relatam as pessoas beneficiadas pelo baseado no >> Guia com 235 receitas Low Carb <<, a principal razão pela qual muitas pessoas continuam a ingerir alimentos Low Carb é, pelos efeitos benéficos para a saúde, como melhora do diabetes mellitus e das funções intestinais.

2. Melhora do Diabetes tipo 2

Dietas com alimentos Low Carb podem ajudar a reduzir ou até mesmo normalizar o açúcar no sangue e, assim, potencialmente reverter o diabetes tipo 2.

Além disso, abolir os carboidratos também pode ser útil no controle do diabetes tipo 1.

3. Melhora nas funções intestinais

Os carboidratos baixos podem ajudar a colonizar com bactérias da flora intestinal, aquele intestino preguiçoso.

Pode também reduzir os sintomas da síndrome do intestino irritável, como inchaço, gases, diarreia constante, cólicas e dor.

 Além disso, a indigestão, refluxo e outros problemas digestivos também podem melhorar.

Para alguns, essa é a melhor parte do consumo de carboidratos e acontece normalmente nos primeiros dias, ou na primeira semana, do início da dieta Low Carb.

4. Redução da vontade de comer doces

Você está lutando para ficar longe de alimentos doces, mesmo que você tente comê-los em “moderação”?

Passar a ingerir alimentos Low Carb dá esse efeito em muitas pessoas, sobretudo, aquelas que fazem uso do >> Guia com 235 receitas Low Carb <<.

Outros benefícios

Perda de peso, encolhimento da gordura, menor nível de açúcar no sangue, maior clareza mental e um sistema digestivo como reloginho são os benefícios mais citados da ingestão de carboidratos.

Mas algumas pessoas experimentam ainda mais melhorias, algumas das quais podem mudar a vida, como, por exemplo:

  • baixar a pressão arterial
  • melhora da acne e clareamento da pele
  • menos enxaquecas
  • melhores sintomas de saúde mental
  • melhora fertilidade

Considerações finais

Dietas baixas carboidratos ou dietas Low Carb são programas alimentares que restringem o consumo de alimentos ricos em carboidratos, geralmente,  para o tratamento da obesidade ou diabetes.

Os alimentos ricos em hidratos de carbono de digestão fácil (açúcar, pão, massas) são substituídos por alimentos com uma maior percentagem de gorduras e quantidade moderada de proteína (carne, aves, peixe, marisco, ovos, queijo, nozes e sementes).

Além disso, há adesão de outros alimentos pobres em hidratos de carbono (por exemplo, a maioria das saladas de legumes como espinafre, couve, acelga e espinafre), apesar de outros produtos vegetais e frutas (especialmente frutos silvestres) são muitas vezes permitidas.

A quantidade de carboidratos permitidos varia de acordo com diferentes dietas de baixo teor de carboidratos. Clicando aqui, você conhecerá um >> Guia com 235 receitas Low Carb << superfáceis, baratas e acessíveis.

🥩🥚🥑  Conheça o Guia com 235 receitas Low Carb 🥩🥚🥑

 Veja histórias de sucesso de pessoas que seguiram a Dieta Low Carb

 

Artigos médico-científicos: PlosOne [1] Diabetes Research Of Clinical Pratice [2] Britanical Journal Of Nutrition [3]

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 




Topo