Alimentação

Tomate é fruta ou legume? Agora você terá uma resposta definitiva!

Tomate é fruta ou legume? Agora você terá uma resposta definitiva!

Muita gente tem dúvida se tomate é fruta ou legume.

Pois bem, tomates são frutas que são consideradas “legumes” por nutricionistas, chefes de cozinha e também, na nossa casa.

Botanicamente, um fruto é um ovário de flores amadurecido e contém sementes.




Contudo, é preciso observar o ponto de vista pela qual estamos com essa questão.

Os tomates são tipicamente agrupados no grupo dos vegetais (chamado de legumes por alguns) no mundo culinário, mas também podemos ver biólogos os tratando como frutos.

Assim, a resposta vai depender de quem você está conversando.

Diferença entre fruta e legumes

Nutricionalmente, falando, tanto as frutas quanto os legumes recebem muita atenção por serem fontes ricas de vitaminas, minerais e fibras.

Mesmo assim, podemos encontrar diferenças.

Por exemplo, o termo “fruta” é usado para descrever frutas botânicas doces e carnudas.

Ao mesmo tempo, “vegetal ou legume” é usado para indicar uma grande variedade de partes de plantas onde não se percebe o doce da frutose.

Então, vamos definir isso separadamente.

Assim, você saberá o que dizer se estiver falando com um biólogo ou com um nutricionista ou chefe de cozinha.

Lembrando que usaremos aqui, termos e linguagem simples e não nomenclatura científica.

Classificação Botânica

Para os botânicos, as definições vão mais além.

Por exemplo, o termo “legume” se refere unicamente às plantas leguminosas, como as vagens e os feijões.

Por outro lado, sabemos que popularmente, as pessoas usam o termo “legume” para chamar os vegetais que não são docinhos e carnudos, seria o caso da berinjela, por exemplo.

Como explicado no Journal Of Food Composition And Analysis [1], na botânica, nos classificamos frutas baseando-se, sobretudo, na estrutura e função da parte da planta em questão.

Os frutos são formados a partir de flores, possuem sementes e auxiliam no processo de reprodução da planta.

Podemos citar por exemplo, pêssegos, melancias, maçãs.

Ao mesmo tempo, os outros vegetais agrupam os legumes na linguagem popular, como por exemplo:



  • Cenoura, mandioca e beterraba são raízes.
  • Alcachofra, brócolis e couve-flor, são flores ou inflorescências.
  • Alface, agrião, couve, espinafre, repolho e rúcula são folhas.
  • Abóbora, abobrinha, chuchu, pimentão e o querido tomate são, com certeza, frutos.

Em suma, na botânica, tomate é fruto da mesma forma que uma maçã.

Todo vegetal que provém de um ovário de flores amadurecido e contém sementes é fruto.

Assim, tomates, ameixas, abobrinhas e melões são todos frutos comestíveis.

A diferença entre eles é a frutose, pois tomates e abobrinhas não são doces, por isso são tratados, erradamente como legumes, no dizer popular.

Tomate é fruta ou legume

Tomate é fruta ou legume? Essa é a flor do tomate. De cada uma dessas se originará um fruto. O tomate não é considerado fruta na culinária porque não tem gosto adocicado.

Classificação Culinária




Dizer se tomate é fruta ou legume, fica complicado na classificação culinária.

Isso porque, se você está conversando com um nutricionista ou um cozinheiro, o sistema de classificação de frutas e vegetais muda significativamente em comparação com a forma como são categorizados botanicamente.

Na prática culinária, frutas e legumes recebem suas classificações de acordo com a utilização e aplicação.

Para isso, baseia-se, sobretudo, em seus perfis de sabor.

Assim, o termo “fruta” é usado para descrever frutos comestíveis doces e carnudos.

É mais adequado para sobremesas, bolos, smoothies, compotas ou comidas por si só como um lanche.

Por outro lado, um legume tipicamente tem um sabor suave, não adocicado e, algumas vezes, amargo.

Geralmente tem uma textura mais dura do que a fruta e, embora alguns sejam apreciados crus, podem exigir cozimento.

Eles são mais adequados para pratos salgados como frituras, ensopados, saladas e guisados.

Nessa classificação, então, todo vegetal não adocicado e que combina com pratos salgados, são considerados legumes.

Assim, raízes, tubérculos, caules, flores, folhas e certos frutos botânicos, incluindo feijão verde, abóboras e, claro, tomates, são todos considerados legumes por nutricionistas e cozinheiros.

Não importa se têm sementes, não importa se são raízes ou folhas, se não é doce e suculento, não é fruta.

Então, tomate é fruta ou legume?

Se formos pensar  se tomate é fruta ou legume e usar a classificação correta, definida pela ciência, os tomates são frutos.

Portanto, todas as frutas possuem uma única semente ou muitas sementes e crescem a partir da flor de uma planta.

O tomate é uma fruta verdadeira e se formam a partir de pequenas flores amarelas e, dentro, temos diversas sementes capazes de originar outras plantas.

Mais fruto que isso, impossível!

Curiosamente, algumas variedades modernas de plantas de tomate foram intencionalmente cultivadas para parar de produzir sementes.

Mesmo quando este é o caso, um tomate ainda é considerado o fruto da planta em termos botânicos.




Portanto, como os tomates são geralmente usados ​​em preparações salgadas, acabam sendo tratados como legumes.

Algumas outras frutas que são usadas como legumes incluem abóbora, berinjela e pepino.

Agora você já saber se tomate é fruta ou legume e quando alguém perguntar diga: Depende!

Artigo científico: Journal Of Food Composition And Analysis [1]

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Topo