Curiosidades

Acordar com a boca seca: especialistas explicam as causas mais comuns e o que fazer

Acordar com a boca seca: o que pode ser? É doença? O que fazer?

É muito comum acordar com a boca seca, além disso, os lábios podem estar bastante ressecado e acompanhado com aquela sensação de sede. Acordar assim pode ser sinal de muitas doenças, porém pode ser uma simples desidratação. Mas, é bom saber o que pode ser e o que fazer nesses casos. Pode não ser nada, mas pode ser alguma é doença.

De acordo com o dentista Cassiano Scapini, especialista em estética bucal, a boca seca, chamada na medicina de Xerostomia, pode ocorrer em qualquer idade e, geralmente, é caracterizada pela diminuição ou interrupção da secreção de saliva, ela pode ocorrer por diversas causas e o seu tratamento consiste em aumentar a produção de saliva.




Desidratação

Uma das principais causas da boca seca ao acordar é a desidratação. Isso pode ocorrer por diversos fatores, como atividade física intensa, ingestão de bebidas alcoólicas, cigarros, algumas doenças autoimunes, entre outros, que podem causar a desidratação. Por isso, nestes casos, é recomendado ingerir bastante água para que seja sanado o sintoma, caso persista, o médico deverá ser consultado.

Leia também: Acordαr com dor de cabeça, o que pode ser? Veja 5 causas mais comuns

Diabetes



A boca seca também é muito comum em pessoas diabéticas, isso porque alguns medicamentos causam um efeito colateral chamado de Poliúria, ou seja, aumenta a vontade de urinar e com isso acaba perdendo muito líquido. Na gravidez também é muito comum ficar com a boca seca, tendo em vista a necessidade de água para muitas funções no organismo nesta fase, como a formação da placenta e do líquido amniótico.

Alimentação inadequada

Uma alimentação rica em sal e sódio pode causar uma desidratação relativa e causa muita sede ao acordar, por isso evitar alimentos gordurosos e ricos em sódio a noite ajuda a melhorar a secura da bucal.



Medicamentos

De acordo com o dentista, Sidnei Goldman, especialista em implantes e clareamentos, muitos medicamentos como descongestionantes, analgésicos, diuréticos, anti-hipertensivos e antidepressivos podem alterar a produção de saliva e isso pode causar a boca seca, além disso, a menopausa também pode afetar as glândulas salivares devido às mudanças nos níveis de hormônios.

O que fazer?

A principal maneira de tratar a boca seca é procurar saber o que está causando este sintoma e buscar a alternativa ou tratamento correto. Se o problema for relacionado a alguma medicação é necessário informar ao médico para que seja avaliado o caso clínico. Porém, algumas dicas podem ajudar a resolver o problema da boca seca, como: evitar bebidas alcoólicas em excesso, café, chá, refrigerantes, não fumar e evitar alimentos condimentados e com muito sal. Caso a secura na boca se prolongue é necessária ajuda médica.

MV / TS / MR
Topo