Animais

Estudo revela que além dos humanos, os carneiros são os únicos animais que têm preferência pelo mesmo sexo por toda a vida

Estudo revela que além dos humanos, os carneiros são os únicos animais que têm preferência pelo mesmo sexo por toda a vida
Esse texto foi útil para você?

O comportamento homossexual dos animais não é nenhuma novidade. Há vídeos espalhados pela internet que mostram animais tendo comportamento gay. No entanto, segundo especialistas, centenas de espécies, foram observadas em relações com parceiros do mesmo sexo em ocasiões isoladas. Elas não fazem disso uma rotina de suas vidas.

Mas, especialistas dizem que penas duas espécies reconhecidamente exibem preferência pelo mesmo sexo pelo resto da vida, mesmo quando há parceiros suficientes do outro sexo. Uma delas, claro, é a espécie humana. A outra é o carneiro. Eles dizem que em rebanhos ovinos, até 8% dos machos preferem outros machos mesmo quando há fêmeas férteis no grupo.


Um estudo publicado no Journal of Endocrinology, realizou análises   cerebrais nos carneiros com comportamento homossexual revelaram que esses machos tinham o cérebro ligeiramente diferente do resto, com um hipotálamo menor – a parte que controla a liberação de hormônios sexuais. Isso corrobora um estudo do neurocientista Simon LeVay, publicado em livro, descreveu uma diferença entre a estrutura cerebral de homens gays e heterossexuais.

Mas, Simon explicou que no caso dos carneiros, quando são domesticados sofreram uma manipulação hormonal com o passar do tempo. Uma prática comum em criações para que os filhotes nasçam, na maioria, fêmeas. Ele defende que os humanos são o único caso documentado de ‘verdadeira’ homossexualidade entre animais selvagens.

Mesmo assim, no caso dos carneiros, há especialistas que defendem a teoria de que os machos são homossexuais verdadeiros, pois convivem e “copulam” com outros machos ao longo de toda a vida. Além disso, são monogâmicos na maioria dos casos.

 

bbc  artigos: Roseli et al

Novidades

Topo