Curiosidades

É verdade que se prendermos a respiração ficamos imunes a urtiga?

“Quando encostamos na urtiga ocorre uma irritação na pele. Mas se prender a respiração e tocar na urtiga nada acontece. Eu brincava assim quando criança. Queria saber se isso tem alguma explicação.” (Cristiane Perondi)

A ideia de que se segurarmos a respiração enquanto tocamos na urtiga leva a não sentir a sensação de irritação na pele é tratada pelos cientistas como mito. Porém é grande o número de pessoas que afirmam que o truque funciona. Fato é que nenhuma pesquisa científica estudou a fundo isso ainda e essa teoria não pode ser explicada.

Uma hipótese criada é a de que prendendo a respiração, deixaremos de respirar as substâncias liberadas pela urtiga, o que evitará a sensação de irritação causada por ela. O processo alérgico da urtiga é causado pela histamina, a acetilcolina e o acido fórmico. Essas substância são liberadas por pelos microscópicos que são encontrados na superfície da urtiga. São eles que causam forte ardor e vermelhidão na pele, e isso acontece por eles causarem vasodilatação e algumas vezes promover inflamações. Portanto deixando de respirar o ar ao redor das urtigas deixaríamos de inalar essas substâncias liberadas quando tocamos nas urtigas, e consequentemente não teríamos nenhuma reação alérgica.

Picture-146

O processo alérgico da urtiga é causado pela histamina, a acetilcolina e o acido fórmico. Foto: Reprodução/the3foragers

Apesar da “ameaça”, a Urtica dioica é muito usada na medicina. Seu extrato pode ser empregado em tratamentos de artrite, anemia, problemas renais e dor. No ramo da estética, não é raro encontrar shampoos para controle de caspa que contém a planta em sua fórmula, e acredita-se que ela também ajude a aumentar o brilho dos cabelos. Além disso a urtiga contém propriedades terapêuticas, por conter minerais e vitaminas, como a B1, B2, B3, B5, C e K, além de cálcio, ferro, magnésio e é rica em proteínas.

Enquanto ainda não é possível comprovar a veracidade da técnica de segurar a respiração, recomenda-se vivamente a utilização de luvas durante a colheita da urtiga. Esse é mais um dos mistérios da ciência que precisam de um estudo mais aprofundado até que se tenha um esclarecimento aceitável.

trichomas-urticantes

Imagem bem próxima do caule, mostrando os tricomas urticantes. Foto: Reprodução/wikipedia

Fonte: oieduca

 

Novidades

Topo