Curiosidades

Andar descalço no chão frio realmente provoca gripe e resfriado?

Andar descalço no chão frio realmente provoca gripe e resfriado?

Andar descalço no chão frio realmente provoca gripe e resfriado?
5 (100%) 3 votes

Vai colocar o chinelo, você vai ficar gripado!” Quem nunca ouviu essa frase, nunca teve uma avó por perto. Segundo muitas pessoas, andar descalço no chão frio desencadeia, ou favorece, a gripe  e o resfriado. No entanto, com o surgimento da internet, essa “crença” tem sido colocado em cheque. Será mesmo que andar descalço no chão frio provoca gripe e resfriado?

Diretamente, andar descalço na friagem, bem como tomar sorvete e picolé em dias frios não irá causar gripe e resfriado em ninguém. Essas doenças são ocasionadas por vírus. A transmissão ocorre de pessoa para pessoa por meio de gotículas contaminadas que são eliminadas pelo espirro, pela tosse ou até ao falar. De maneira alguma, você “pegará” um resfriado apenas por andar descalço. Se não respirar o vírus, você ficará doente.

Na verdade, muitos estudos têm tentado provar a teoria da vovó: a friagem provoca resfriado. Pesquisadores da Universidade de Virgínia, nos EUA, por exemplo, inocularam um mesmo vírus causador de resfriados em dois grupos de voluntários. Um dos grupos ficou por mais de uma hora dentro de uma espécie de geladeira e depois mais um tempo fora, só de cueca. Já os outros permaneceram bem agasalhados e aquecidos. O resultado, óbvio, foi que todos ficaram doentes.




Picolé e sorvete podem mesmo provocar gripe?

Mas, por que essa crença?

Existem três razões que fazem as pessoas acreditarem até hoje, que andar descalço na friagem causa gripe ou resfriado.

A primeira razão é que, naturalmente, no inverno o número de pessoas gripadas é maior. Isso acontece porque quando a temperatura está baixa, é comum passarmos mais tempo em locais fechados e quentinhos. Na escola, na igreja, nas festas, quando está frio a circulação de ar é menor, porque tudo fica fechado. Assim, a aglomeração de pessoas em um ambiente aquecido é um dos lugares prediletos dos vírus, que vão passando de um indivíduo para o outro. Estando descalço, ou até mesmo sem roupa, se nenhum vírus estiver por ali, ninguém ficará doente.



A segunda razão é que no frio, o clima, geralmente fica seco. Isso contribui para o ressecamento das mucosas do aparelho respiratório. Esse ressecamento intervém na cultura das secreções com anticorpos que ajudam na defesa do organismo.  Isso detona a imunidade e assim, a chance de o organismo ser contaminado e atacado por germes é muito maior.

Gripe “mal curada” existe mesmo ou é “coisa de vó”?

A última razão tem a ver com a rinite alérgica, uma doença que não está ligada a vírus ou bactérias. Quem tem rinite sofre com a inflamação da mucosa do nariz que ocorre ao entrar em contato com algum agente causador de alergias, principalmente os ácaros. Mas não é uma gripe ou resfriado. Só que, os sintomas são muito parecidos: coriza, espirros, secreções, tosse. Uma forte mudança de temperatura, principalmente do quente para o frio, pode desencadear um processo alérgico nessas pessoas. Assim, quem sofre de rinite, se andar descalço em chão frio, o organismo pode interpretar que aconteceu essa variação e então desencadear crises de espirro, coriza e obstrução nasal.



uol / super

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


O Diário de Biologia é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de assuntos relacionados a Biologia, Saúde e Pesquisa. O material fornecido na categoria saúde, nutrição e bem-estar, não deve ser usado como conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos.
Topo