Sou portadora de esclerose múltipla e o médico pediu uma pesquisa do vírus JC. Que vírus é esse?

 “Sou portadora de esclerose múltipla, e ao tentar nova medicação fiz o exame para pesquisa do vírus JC, se o meu é positivo ou negativo. Que vírus é esse?” (Jéssica Anjos).

Jéssica, o nome desse vírus é John Cunningham, chamado apenas de JC ou vírus JC. Recebeu esse nome de um paciente na qual foi encontrado o vírus em seu cérebro e seqüenciado em 1984. É um poliomavírus, da família Papovaviridae, na qual não é envelopado e possui pequena e circular dupla fita de DNA, ou seja, é um DNA vírus.

Muitas espécies de animais abrigam esse tipo de vírus, porém uma espécie não possui a capacidade de infectar a outra. A infecção por esse vírus só é possível devido a alguns receptores da membrana celular específico que estão distribuídos nas glicoproteínas e glicolipídios na superfície das células e por isso o JC pode infectar qualquer célula de mamíferos. Todavia, a sua replicação só acontece em células da glia (células do sistema nervoso central) e células linfoides da linhagem B, devido a uma limitação intracelular específica da célula.

O vírus JC é bastante difundido entre a população. Aproximadamente 80 a 90% da população adulta já possui anticorpos específicos contra o vírus. A infecção geralmente acontece na infância e não há nenhuma evidência de manifestação do mesmo, algumas vezes, podendo ocorrer uma inflamação do trato respiratório. O vírus pode ser encontrado na urina e é nos rins que ele fica abrigado em sua forma latente. Esse vírus está associado a uma doença fatal e perigosa chamada de Leucoenfalopatia Multifocal Progressiva, mais conhecida como LMP que é uma doença demielinizante do sistema nervoso central, ou seja, danifica a bainha de mielina dos neurônios e com isso prejudica a condução dos sinais nos nervos afetados causando sérios problemas na sensação, movimento, coordenação motora, cognição e várias outras funções e comandos cerebrais.

O vírus JC é um poliomavírus, da família Papovaviridae, na qual não é envelopado e possui pequena e circular dupla fita de DNA, ou seja, é um DNA vírus. Foto: Reprodução/ethlife
O vírus JC é um poliomavírus, da família Papovaviridae, na qual não é envelopado e possui pequena e circular dupla fita de DNA, ou seja, é um DNA vírus. A imagem mostra um  poliomavírus. Foto: Reprodução/ethlife

A investigação e detecção do vírus JC é complicada, pois ataca o sistema nervoso central e sua visualização através do líquido cefalorraquidiano é de difícil interpretação. A detecção do vírus é muito importante em pacientes que possuem o sistema imunológico comprometido, como pacientes com esclerose múltipla, portadores do vírus HIV, doença de Chron, pessoas que fazem quimioterapia, com doenças linfoproliferativas, entre outras. Esses pacientes são geralmente tratados com uma medicação chamada Natalizumab que tem um benefício de reduzir a recaída da doença e sua progressão. Todavia, o medicamento mostrou-se apenas eficaz no tratamento para o vírus JC elevando os riscos para desenvolverem o LMP (Leucoencefalopatia multifocal progressiva).

O desafio dos médicos e cientistas é não só apenas detectar o vírus nas pessoas com o sistema imune debilitado, mas de tentar através de exames laboratoriais auxiliarem a evitar o desenvolvimento dessa doença fatal no sistema nervoso central e ainda verificar se a pessoa possui o vírus latente (adormecido), evitando que a doença possa se desenvolver no futuro!

A detecção do vírus é muito importante em pacientes que possuem o sistema imunológico comprometido, como pacientes com esclerose múltipla, portadores do vírus HIV, doença de Chron, pessoas que fazem quimioterapia, com doenças linfoproliferativas, entre outras. Foto: Reprodução/agteem
A detecção do vírus é muito importante em pacientes que possuem o sistema imunológico comprometido, como pacientes com esclerose múltipla, portadores do vírus HIV, doença de Chron, pessoas que fazem quimioterapia, com doenças linfoproliferativas, entre outras. Foto: Reprodução/agteem
Fontes: newslabukfleurycentrodegenomas