Mulher

Sintomas de câncer de mama. Tudo que você pode sentir!

Sintomas de câncer de mama. Tudo que você pode sentir!

Sintomas de câncer de mama. Tudo que você pode sentir!
5 (100%) 3 votes

Os sintomas de câncer de mama não existem no início da doença, mas muita gente não sabe disso. O câncer de mama se refere ao câncer que começa nas células dentro dos seios. Contudo, essa massa celular pode se espalhar (sofrer metástase) dos seios para outras áreas do corpo, como ossos e fígado.

A maioria dos primeiros sintomas de câncer de mama envolve mudanças nos seios. Algumas dessas mudanças, a saber, são mais visíveis do que outras. Então, como regra geral, sempre consulte seu médico se houver alguma alteração em seus seios. Além disso, mantenha seus exames (mamografia e ultrassom da mama) em dia. O câncer de mama precoce é detectado, menos provável que ele se espalhe e cause danos com risco de vida.




Sintomas de câncer de mama

Como já dito, em seus estágios iniciais, o câncer de mama pode não causar nenhum sintoma. Isso porque, um tumor inicial pode ser pequeno demais para ser sentido. Contudo, uma anormalidade ainda pode ser vista em uma mamografia. Se um tumor pode ser sentido é motivo de um alerta e uma consulta para colocar os exames em dia. No entanto, tenha em mente que nem todos os nódulos são, de fato, câncer.

Cada tipo de câncer de mama pode causar uma variedade de sintomas. Muitos desses sintomas são bem parecidos, mas alguns podem variar. Os sintomas de câncer de mama listados abaixo seguem as orientações do American Cancer Society [1]. Contudo, se está com algum destes sintomas, não significa necessariamente que você tenha câncer de mama. Fique calma e procure um médico para exames.



  • um nódulo mamário ou espessamento tecidual, com tivesse uma cicatriz rígida dentro do seio. Isso, decerto, será diferente do tecido mamário circundante. Ao mesmo tempo, essa massa tecidual nunca esteve antes ali, ou seja, surgiu recentemente.
  • dor ou muita sensibilidade no mamilo, como nunca sentida antes durante o ciclo menstrual
  • pele vermelha e sem caroço sobre todo o seu peito


  • inchaço em todo ou parte do seu peito
  • uma secreção ou sangramento saindo do mamilo
  • descamação e ressecamento da pele no mamilo ou no seio, mas nada perecido em outra parte do corpo
  • uma mudança súbita e inexplicável na forma ou no tamanho da sua mama
  • mamilo invertido
  • qualquer mudança na aparência da pele dos seios, sem motivo
  • um caroço ou inchaço debaixo do braço
  • dor nos seios, mais raramente

Sintomas de câncer de mama: como ficam os seus seios

De acordo com a American Cancer Society [1], o sintoma mais comum do câncer de mama é o surgimento de um novo nódulo ou massa. Essa será uma massa indolor e dura que tem bordas irregulares. Contudo, mais raramente, existem cânceres de mama macios ou arredondados. Embora seja, raro, os nódulos podem apresentar dor.

Como as variações são muitas, o ideal é que qualquer nova massa mamária, caroço ou mudança de mama, seja considerado sinal de alerta e motivo para uma consulta médica urgente.

No caso de um carcinoma ductal invasivo, por exemplo, há uma formação de caroços e inchaços nos seios. Este, a saber, é um tipo de câncer de mama que se forma dentro dos dutos de leite. Este tipo é o mais comum, representando, cerca de 80% de todos os diagnósticos. Também é o mais perigoso, uma vez que sofre metástase facilmente e atinge rápido outras áreas do corpo. Já o carcinoma lobular invasivo pode causar espessamento mamário. Este tipo de câncer de mama começa nas glândulas que produzem o leite materno. Contudo representa 15% de todos os cânceres de mama.

Então, conforme explicado, há uma série de mudanças que podem ocorrer. No entanto, elas variam de pessoa a pessoa e também pelo tipo de tumor. Assim os seios podem mudar de cor ficando vermelhos, ou de tamanho se tornando inchados. Alguns nódulos doem, mas a maioria é indolor. Há possibilidade também de sair secreções transparentes ou transparentes com sangue do mamilo e, em estágios avançados, o mamilo pode se voltar para dentro.

Além das alterações nos seios, a pele que cobre as mamas também muda, em alguns casos. Assim, pode causar uma coceira intensa, ou um ressecamento que não acontece em outra parte do corpo. A formação de irregularidades na pele também é comum: ondulações, covinhas, “casca de laranja”. ao redor dos seios também pode ser afetada pelo câncer de mama. Pode ser extremamente coceira e pode ficar seca e rachada.

⚠️ Atenção: Faça sempre o autoexame. Isso porque, as mamografias não encontram todos os cânceres de mama. Assim, é importante que você esteja ciente das alterações em seus seios e conheça os sinais e sintomas de câncer de mama.

Site consultado: American Cancer Society [1]

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


O Diário de Biologia é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de assuntos relacionados a Biologia, Saúde e Pesquisa. O material fornecido na categoria saúde, nutrição e bem-estar, não deve ser usado como conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos.
Topo