Todo hamster guarda comida nas bochechas?


“Comprei um hamster e ele tem um comportamento muito estranho. Ele enfia muita comida na boca, chega ficar estufado. Será que ele tem algum distúrbio?” Sérgio Filho

Seu hamster não tem problema algum, Sérgio. Aliás, o que ele está fazendo é mais que natural. Os hamsters possuem invaginações nas bochechas formando uma bolsa que tem até nome, chama-se “bolsa jugal”, na qual a principal função é exatamente o armazenamento de comida. Essa estrutura é conhecida também como um “Local de Privilégio Imunológico” natural.

O nome “hamster” vem do alemão: “hamstern”, que significa “tesouro”. Esse nome não é à toa, o hábito de acumular comida nas bochechas além de ser parte de seu comportamento natural, é uma forma de carregar o seu “tesouro” para onde for. Na natureza hamsters vivem em lugares desérticos, onde a escassez de comida é muito comum. Assim, esses animais adquiriram com a evolução, uma forma de manter a comida sempre por perto. Ele cava galerias e túneis no solo e ali guarda toda comida (sementes, grãos, frutas secas, etc) que consegue carregar na bolsa jugal.

A bolsa jugal é uma estrutura toda equipada e adaptada para manter a comida bem conservada. A pele desta região não é irrigada por glândulas salivares, assim a comida se mantém fresca e seca. A textura da pele que revestem a bochecha é áspera e isso ajuda a segurar comida para não cair da boca. Assim, enfiar um monte de comida na boca não é falta de educação, é que o hamster é “prevenido”!

Sem-Título-2

A bolsa jugal é um reservatório de comida!

hamster-crams-carrots-into-mouth-video

Nesta imagem temos um hamster dissecado mostrando as enormes bolsas em sua boca.

1300863008_homyachki-6

Essa uva não vai caber!

1300863001_homyachki-14


Olha o tamanho da bolsa jugal desse aí!!! Quantos amendoins ele está guardando?

——————————————–

FONTE


Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Bióloga - CRBio/RJ 96514/02-D. Fundadora e administradora do Diário de Biologia. Possui graduação em Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas. Doutorado (2013) e Mestrado (2009) em Zoologia pelo Museu Nacional/UFRJ, especialista em insetos, autora do livro "O Mundo Secreto dos Insetos" - Cortez Editora. Experiência com palestras nacionais e internacionais. É autora ou coautora de artigos científicos publicados em revistas científicas, livros e capítulos de livro, e comunicações em eventos nacionais e internacionais. Colaboradora em revistas de divulgação científica para crianças (Ciência Hoje Para Crianças e Revista Recreio). Interessada em cultivo de plantas carnívoras. Atualmente mora na França, mas seu coração é brasileiro. Instagram: @karlla_diariodebiologia.