É verdade que as hienas comem cocô?


Me disseram que as hienas comem cocô. Achei muito nojento e não posso acreditar nisso. É verdade mesmo? Gabriel Alencar

Pois é Gabriel, isso é realmente inacreditável e muito nojento. Mas é verdade! As hienas possuem um amplo menu, além de carnívoras as hienas são também coprófagas (se alimentam de fezes) e assim, ingerem excrementos de outros animais, geralmente herbívoros ou então as próprias.


A razão pela qual elas possuem esse hábito nojento, ainda não foi totalmente esclarecida. Uma hipótese é que as fezes são ricas em minerais, nutriente importante na dieta dos carnívoros, e outra é que o excremento ajuda na digestão do animal. Há ainda a possibilidade de que elas só se alimentem de cocô em situações de emergência, quando não conseguem encontrar outra coisa para comer

A dieta principal das hienas é formada por outras porcarias, como cadáveres de animais e restos de comida. São caçadoras de animais de pequeno porte, não hesitando em atacar animais maiores. Donas de poderosas mandíbulas e de um estômago altamente eficaz, elas conseguem triturar e digerir os ossos de suas vítimas. É por isso que o cocô do animal é bicolor: branco (formado por restos de ossos devorados) e marrom (concentrando os demais detritos).

article-0-16B8D245000005DC-757_634x544
Nem quero imaginar o bafo desse bicho!

FONTE: MUNDO ESTRANHO, WIKIPEDIA


Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Bióloga - CRBio/RJ 96514/02-D. Fundadora e administradora do Diário de Biologia. Possui graduação em Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas. Doutorado (2013) e Mestrado (2009) em Zoologia pelo Museu Nacional/UFRJ, especialista em insetos, autora do livro "O Mundo Secreto dos Insetos" - Cortez Editora. Experiência com palestras nacionais e internacionais. É autora ou coautora de artigos científicos publicados em revistas científicas, livros e capítulos de livro, e comunicações em eventos nacionais e internacionais. Colaboradora em revistas de divulgação científica para crianças (Ciência Hoje Para Crianças e Revista Recreio). Interessada em cultivo de plantas carnívoras. Atualmente mora na França, mas seu coração é brasileiro. Instagram: @karlla_diariodebiologia.