Animais

Um dos bichos mais lindos no mundo: Dragão azul

Um dos bichos mais lindos no mundo: Dragão azul
Esse texto foi informativo para você?

Um animal estranho e fofinho. Talvez essa seja a melhor definição para o Glaucus atlanticus, ou o dragão azul, um animalzinho que vive no mar e dá vontade de ter em casa como animal de estimação. Ele também pode ser chamado de frota azul ou andorinha do mar, ambos devido a seu aspecto. Esses pequenos moluscos são os únicos representantes do seu gênero e medem de 3 a 4 centímetros de comprimento. O que mais chama a atenção é a coloração azul-prateada na face dorsal e azul pálido na face ventral. Além disso seu pé é raiado por faixas azul escuras ou negras. A sua distribuição é bastante variada, podendo ocorrer na África, na Europa e na Austrália, tanto em águas temperadas quanto em águas tropicais. Portanto se você quiser ver um ao vivo vai ter que sair do Brasil e mergulhar nesses locais.

Por viverem na região pelágica (zona onde vivem seres marinhos que não precisam do fundo) do oceano, encontra-los não apresenta tanta dificuldade como outros animais marinhos, em dias em que há ventos fortes que os levam para a área costeira. Além disso o dragão azul possui um saco de gás no seu estômago, fazendo com que ele flutue próximo a superfície. A combinação dos efeitos resultantes da posição do saco e da tensão superficial da água fazem com que se mantenha em posição invertida: a superfície dorsal é na realidade o pé.


P02-120214-2

O Glaucus atlanticus, ou o dragão azul, é um animalzinho que vive no mar e dá vontade de ter em casa como animal de estimação. Ele também pode ser chamado de frota azul ou andorinha do mar, ambos devido a seu aspecto. Foto: rinconabstrato

É necessário tomar cuidado com o dragão azul, pois eles se alimentam de uma espécie venenosa de caravela, e são capazes de armazenar as toxinas para uso próprio. O veneno é recolhido em sacos especializados localizados nas pontas dos seus apêndices, podendo ser ainda mais perigosos do que nas caravelas, pois está acumulado. Outra curiosidade sobre o dragão azul é que eles são hermafroditas, ou seja, apresentam órgãos sexuais masculinos e femininos.

É necessário tomar cuidado com o dragão azul, pois eles se alimentam de uma espécie venenosa de caravela, e são capazes de armazenar as toxinas para uso próprio. O veneno é recolhido em sacos especializados localizados nas pontas dos seus apêndices, podendo ser ainda mais perigosos do que nas caravelas, pois está acumulado. Foto: taipei

Glaucus-atlanticus

Os Glauus atlanticus são pequenos moluscos, os únicos representantes do seu gênero e medem de 3 a 4 centímetros de comprimento. Foto: tapiei

Fonte: docserver

 


Novidades

Topo