Curiosidades

Veja o que acontece se você ficar muito tempo sentado todos os dias

“Trabalho o dia todo sentado posso dizer que fico de 8-10 horas sentado todos os dias de semana. Isso pode ser prejudicial para a minha saúde?” Que problemas eu posso ter? (Vinicius Shinoda)

Vinicius, isso é absurdamente prejudicial! Tão prejudicial que as chances de morrer cedo são de 49%. Imaginamos que passar horas sentado faça mal exclusivamente para a coluna, mas ela só é afetada se a posição estiver errada. Se prepare, a lista dos problemas do sedentarismo é longa.


Infelizmente os avanços tecnológicos contribuem cada vez mais com o sedentarismo, cuja principal consequência é o sobrepeso e depois a obesidade. Nosso corpo não foi feito para ficar parado, com um gasto energético próximo do repouso. Segundo o American College of Sports Medicine (ACSM), precisamos nos movimentar diariamente por no mínimo 30 minutos e quem não atinge esse mínimo é considerado insuficientemente ativo e com riscos elevados de desenvolver doenças e/ou morte.

O primeiro órgão afetado pela baixa atividade é o coração, que terá menos trabalho para bombear o sangue num corpo em repouso, diminuindo a qualidade das batidas. A consequência é o infarto, já que o coração com baixa qualidade não consegue oxigenar todas as células, principalmente as do próprio coração. Além disso, as pernas imóveis geram uma resistência para o sangue bombeado e a consequência é hipertensão. As panturrilhas são as ajudantes do coração e precisam se movimentar para que o sangue rico em gás carbônico nas pernas volte ao coração, dando lugar ao sangue que vem com oxigênio. A má circulação gerada pelo sedentarismo contribui ainda para o desenvolvimento de insuficiência renal e o aparecimento de varizes não só nas pernas, mas em qualquer local como por exemplo no esôfago, saco escrotal (varicocele) e ânus (hemorroida). Esses fatos aumentam em espantosos 147% a chance de se ter outras doenças cardiovasculares.

sentado

Precisamos nos movimentar diariamente por no mínimo 30 minutos e quem não atinge esse mínimo é considerado insuficientemente ativo e com riscos elevados de desenvolver doenças e/ou morte. Foto: Reprodução/guiame

Toda essa falta de movimento também aumenta em 112% a chance de desenvolver diabete do tipo 2, que é quando as células se tornam resistentes à insulina, não permitindo a entrada do açúcar trazido por ela. Assim, o açúcar ficará vagando livremente pelo sangue (hiperglicemia) causando estragos no corpo todo. Um corpo sedentário não precisa de muita energia, portanto a energia (adquirida através do açúcar) será recusada pelas células. O açúcar em excesso danifica as paredes dos vasos sanguíneos e a partir daí inúmeros problemas aparecem: hipertensão, impotência masculina, cegueira, insuficiência renal e cardíaca, derrames e até amputação de membros inferiores.

A atrofia muscular é outra consequência pois obviamente os músculos sem uso irão diminuir. Sem músculos, nossas articulações adoecem, pois são eles que as protegem. Ainda, as células musculares precisam de muita energia para funcionar, porém sem movimento elas não precisarão do açúcar, que ficará sobrando contribuindo mais uma vez para o desenvolvimento de diabete.

Outro problema é o aumento do colesterol ruim (LDL) e diminuição do colesterol bom (HDL). O HDL é importante para a prevenção de estragos vasculares causados pelo LDL, que mais uma vez causam problemas cardiovasculares. A maneira mais eficaz de aumentar o HDL é praticando atividades físicas e a mais eficaz de diminuí-lo é o sedentarismo. Além de todos esses prejuízos começará a ser difícil ir ao banheiro, não só por causa das hemorroidas, mas porque o intestino precisa do movimento do corpo para funcionar. Sem movimento as fezes endurecem e é cada vez mais difícil eliminá-las: é a conhecida prisão de ventre.

ficar-sentado-tempo-faz-mal-saude

A atrofia muscular é outra consequência pois obviamente os músculos sem uso irão diminuir. Sem músculos, nossas articulações adoecem, pois são eles que as protegem. Foto: Reprodução/rvmais

A prevenção de todos esses males é se mexer. No caso de quem trabalha sentado, a solução é levantar a cada meia hora e andar ou movimentar as panturrilhas por pelo menos 5 minutos. Aqueles que praticam atividades físicas somente aos finais de semana se enganam ao pensar que adianta. O estrago feito nos outros 5 ou 6 dias não serão minimizados em um ou dois dias. Portanto, reforço: a recomendação é de 30 minutos diários de atividade física.

Geralmente pensamos em uma academia, mas se você não gosta ou não tem tempo para tal, começar a ir a pé para o trabalho ou descer alguns pontos de ônibus antes, usar a escada no lugar do elevador são ótimas opções. Pequenas atitudes fazem toda diferença.

bs5

Ir a pé ou pedalando para o trabalho ou descer alguns pontos de ônibus antes, usar a escada no lugar do elevador são ótimas opções. Pequenas atitudes fazem toda diferença. Foto: Reprodução/bazarlaboutique

Fonte: anamt e scielo


Novidades

Topo