Curiosidades

Por que temos Dèjá vu (sensação de já ter estado em um lugar ou de já ter vivido uma situação que nunca aconteceu antes)?





 “Quando passamos por algum lugar e sentimos que já estivemos lá, mesmo sem nunca tiver ido ali antes. Isso tem explicação? Dèjá vu pode ser explicado?” 

Déjà vu é uma das sensações mais estranhas e instigantes que ocorrem com o ser humano. É aquela sensação você sente quando está andando na rua e então você percebe que já viveu aquela situação de alguma forma. Tudo então passa a ocorrer como se tivesse dentro de um filme. Você está ciente de tudo o que vai acontecer e passado e presente se tornam uma coisa só. De repente a sensação vai embora e tudo passa a ocorrer de forma normal novamente.


Existem três formas de Déjà vu. Déjà vécu é a sensação de já ter vivido uma determinada situação. Déjà senti é o fenômeno especifica algo “já sentido”. E mais raramente ocorre o Déjà visite, que é a sensação que envolve um estranho conhecimento de um novo lugar. Porém mesmo com isso ocorrendo com todo mundo, é um tema difícil de ser estudado pelos cientistas, simplesmente pelo motivo de não ter como prever quando o Déjà vu irá ocorrer.

Algumas teorias já foram criadas para tentar explicar o Déjà vu. Atualmente uma das teorias mais aceitas, diz que o fenômeno é causado por um erro na memória. O cérebro possui alguns tipos de memória, e estão entre elas a memória a longo prazo e a memória a curto prazo. O Déjà vu ocorreria quando uma informação nova captada pelos órgãos do sentido iria diretamente a área do cérebro responsável pela memória a longo prazo, quando o normal seria ela ir para a área onde ficam armazenadas as memórias a curto prazo. Isso causaria aquela sensação de que você já sabia daquilo antes, quando na verdade a informação recebida pelo cérebro é nova.

VidzQV

Dèjá vu é quela sensação você sente quando está andando na rua e então você percebe que já viveu aquela situação de alguma forma. Foto: Reprodução/amigos

Susumu Tonegawa, do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), diz que o Déjà vu  nasce numa área específica do cérebro, dentro do lobo temporal chamado giro dentado. Ratos com essa área do cérebro desregulada levaram choques em um determinado ambiente, e depois quando colocados em um ambiente parecido agiam como se estivessem levando choques novamente. Enquanto isso ratos com essa área do cérebro sem alteração, agiam normalmente nos dois ambientes.

Sendo o assunto bastante interessante, cientistas certamente continuarão suas pesquisas neurológicas para elucidar cada vez mais o por que e de onde surge a sensação de Déjà vu.

confused-girl

O Déjà vu nasce numa área específica do cérebro, dentro do lobo temporal chamado giro dentado. Foto: Reprodução/business

Fonte: wikipedia e super

 

Novidades

Topo