Surpreenda-se com os casos de reprodução mais bizarros do mundo animal

Por mais que você tente aceitar, vamos ser sinceros: o mundo animal tem muita “bizarrice”. Lógico, todo o comportamento apresentado pelos animais (e humanos também) é resultado de milhares de anos de evolução, na qual a seleção natural acabou “escolhendo’ o que era melhor em cada caso. Bem com o comportamento animal não poderia ser diferente. Bizarro, mas justo, vejam 5 casos loucos da reprodução dos animais!

Hienas: fêmeas “bem dotadas” –> As hienas fêmeas pintadas são o “homem da casa”. Elas são maiores, mais fortes e mais agressivas que o macho. Além disso, elas possuem um “pseudo- órgão genital” que na verdade é como uma modificação de uma estrutura que pode ficar ereta quando necessário. Para copular, o macho sortudo precisa inserir o órgão genital na abertura no pseudo-órgão genital. Acredito que seja um tanto constrangedor para o macho, porém não deve ser pior do que a fêmea precisar dar à luz aos filhotes através de um pseudo-órgão genital!

Heina

Girafas: xixi afrodisíaco –> Com aquele fabuloso, mas desengonçado pescoço, a cópula da girafa reserva um trabalho difícil para o macho. Pronto para se reproduzir, o macho cutuca a anca da fêmea para induzir a micção. Quando a urina é expelida ele bebe um pouco dela, e se o gosto é bom, esse é o sinal verde. Ele, então começa a cortejá-la!

314972_396553997065955_52219478_n

Ursos Panda: filmes pornôs –> Pandas criados em cativeiro possuem um apetite sexual muito fraco, os casais raramente se interessam sexualmente. Para driblar esse desânimo, um zoológico chinês mostra vídeos pornôs aos pandas e eles logo ficam animadinhos. Agora, nesse zoológico, quando o panda atinge a idade de reprodução assiste vários filminhos de sexo como parte da sua iniciação sexual!

animais-urso-panda-d20cf8

Lagartos do gênero Cnemidophorus: o clone –> Neste gênero de lagartos, não existem machos. Isso mesmo! Todos os lagartos (Lizard Whiptail, em inglês) são meninas e por isso elas nunca copulam. Mas como se reproduzem? Bem, a reprodução é precedida de uma “pseudocópula” onde uma fêmea simula um papel de macho cobrindo a outra com o corpo, que trocam de papel mais tarde. Mas não acontece a cópula de fato, esse comportamento estranho é necessário para estimular a produção de ovos nas duas fêmeas. Quando os ovos estão prontos, eles serão “clones” do lagarto mãe!

cnemidophorus-uniparens

Gorila: tamanho não é tudo –> Um gorila adulto macho “Silverbacks” (costas de prata) são animais enormes, que podem chegar a 350 kg. Ele pode manter um grupo com até 30 fêmeas, com o qual ele acasala durante todo ano. Existe uma pequena competição entre as fêmeas, mas sem muito sentido, pois o órgão genital do macho mede apenas cerca de 4 cm, o que é muito pouco para um animal de 350 kg.

Silverback-Gorilla-Dangerous-Look

——————————————-

FONTE