Curiosidades

Como meus filhos herdaram psoríase se meu marido e eu não temos essa doença?

Como meus filhos herdaram psoríase se meu marido e eu não temos essa doença?
Esse texto foi útil para você?

” Tenho dois filhos com psoríase e nem eu, nem meu marido temos essa doença. Só que andei lendo, que é uma doença genética. Como meus filhos herdaram uma doença que nem eu, nem o pai temos? ” (Socorro Mendes)

 Socorro, isso é possível sim, mas para deixar claro sobre psoríase e seus sintomas para os demais leitores, vamos falar um pouco sobre esta doença. Bem, a psoríase é uma doença crônica, não contagiosa que acomete a pele. É uma doença cíclica, ou seja, os sintomas aparecem e desaparecem com o tempo. A causa ainda é desconhecida, mas se acredita que esteja relacionada com o sistema imunológico, suscetibilidade genética e com a interação com o meio ambiente.


Há vários tipos de psoríase: psoríase em placas ou vulgar, psoríase ungueal, psoríase do couro cabeludo, psoríase Gutata, psoríase invertida, psoríase pustulosa, psoríase eritodérmica e psoríase artropática. Acredita-se que a doença se instala quando as células de defesa atacam as próprias células da pele, gerando inflamação. Em contrapartida, o nosso sistema imunológico tenta se defender. Como as células da pele estão sendo atacadas, a produção das mesmas também aumenta, levando a uma rapidez do seu ciclo evolutivo, e isso gera uma grande produção de escamas devido à imaturidade das células.

Esse ciclo não permite que as células mortas sejam eliminadas por completo, formando então manchas espessas e escamosas na pele. Esse ciclo só é interrompido com intervenção medicamentosa.  É importante ressaltar que por se tratar de uma doença não contagiosa, os portadores NÃO precisam ser evitados. O tratamento varia de acordo com o tipo da doença, mas consiste basicamente em hidratar a pele, aplicar medicamento receitado pelo dermatologista e exposição diária ao sol. Esses procedimentos são suficientes para melhorar o quadro clínico e promover o desaparecimento dos sintomas.

scalp-psoriasis

É importante ressaltar que por se tratar de uma doença não contagiosa, os portadores NÃO precisam ser evitados. Foto: Reprodução/ patricinhas

Mas como nossos filhos podem herdar essa doença se os pais não a manifesta? A resposta envolve um pouco de genética, mas é bastante simples. A psoríase é uma doença autossômica recessiva, ou seja, ela precisa se apresentar aos pares para que ocorra a doença. Você e seu companheiro não a apresentam a doença, porque vocês possuem apenas um gene defeituoso, portanto, são portadores e não tem como desenvolver a doença. Para ser afetado por uma doença recessiva, a criança deve herdar uma cópia do gene mutante do pai e outro da mãe. Veja a figura abaixo.

Nesse tipo de doença genética, há 25% de chance da criança ser afetada (apresentar a doença), e 50% de chance de que eles sejam portadores do gene, mas não sejam afetados pela doença. Há também 25% de chance de não receber nenhum gene mutado.

E foi isso que ocorreu na sua família, Socorro. Seus filhos herdaram uma cópia mutante do pai e outro da mãe, apresentando a doença. Havia 25% de possibilidade disso acontecer em cada gestação. Tanto você poderia ter filhos saudáveis como doentes.

RECESSIVA_PSORIASE

A psoríase é uma doença autossômica recessiva, ou seja, ela precisa se apresentar aos pares para que ocorra a doença. Foto: Reprodução/mayoclinic/tradução/diariodebiologia

 Fonte: retinabrasilsbd e wikipedia

Este texto é de autoria do Biólogo Paulo Alex


Novidades

Topo