Mulher

Sangue menstrual, do que é feito? Quais as substâncias presentes na menstruação?

Menstruação: Do que é feita? Qual a composição do sangue menstrual?

Muita gente pensa que o sangue menstrual é a mesma coisa do sangue que corre pelas veias. Mas, isso não é verdade! A menstruação é composta de uma série de outras substâncias, voltadas para a preparação que o corpo teve para esperar uma possível gravidez. Assim, do que é feita a menstruação? Quais substâncias estão neste sangue? Qual a composição?

O sangue menstrual é bem diferente do sangue venoso, principalmente quanto à sua composição e propriedades físicas. Assim, se formos considerar a composição básica do sangue menstrual de toda mulher, teremos sangue e uma mistura de outras substâncias e tecidos. A menstruação é, então, sangue misturado com secreções vaginais e do colo do útero. Além disso, há tecido endometrial proveniente da preparação do útero para a gravidez. Sem esquecer de toda a microbiota vaginal, que é natural de toda mulher.

É claro que a composição varia entre a idade da mulher, a fase da menstruação e até o método anticoncepcional usado. Além do que, a espessura do útero também terá um efeito no conteúdo do sangue menstrual.




Decerto o sangue da menstruação tem a composição bastante diferente do sangue periférico. Por causa das secreções vaginais, o sangue menstrual é fico em eletrólitos, sódio e potássio. Além disso, há mais água, menos ferro e menos hemoglobina que o sangue venoso. Apesar de o pH ser bem parecido, há menor concentração de proteínas, colesterol e bilirrubina.

Leia também: A mulher pode engravidar durante a menstruação?

Sangue menstrual não coagula

Algumas mulheres acreditam que aqueles pedaços de sangue que vez ou outra sai na menstruação, são coágulos. Não, aquilo não é coágulo, pois o sangue menstrual não contém as substâncias necessárias para a coagulação.



O sangue da menstruação não tem os três principais elementos necessários para a coagulação: protrombina, trombina e fibrinogênio. Além do que, ele contém muitos elementos que mantêm o sangue líquido, mesmo for do corpo.

Ao mesmo tempo, o número de plaquetas sanguíneas também é menor do que no sangue comum. A textura da menstruação varia de um dia para outro, de uma mulher para outra e de acordo com a composição do sangue e a presença de mucina. A mucina é a glicoproteína principal do muco vaginal e uterino,  responsável por sua viscosidade.

Leia também: Pode dormir de absorvente interno, ou não? Veja o que os médicos dizem

Estudo detalhado



Um estudo sobre a composição bioquímica do sangue menstrual foi apresentado no Symposium on Steroid Contraception and Mechanisms of Endometrial Bleeding [1], em Genebra. As substâncias encontradas corroboraram com a premissa de que o sangue menstrual tem importante papel na reprodução. Eles descobriram que proteínas específicas para proteção e nutrição do óvulo também estão neste sangue.

Além disso, as enzimas do endométrio, responsáveis pela degradação durante a menstruação, também estão presentes. Ao mesmo tempo, carrega grandes quantidades de prostaglandinas sintetizadas para o derramamento endometrial.

plim artigo: [1]

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


O Diário de Biologia é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de assuntos relacionados a Biologia, Saúde e Pesquisa. O material fornecido na categoria saúde, nutrição e bem-estar, não deve ser usado como conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos.
Topo