Sua saúde

Surto de conjuntivite: Como saber se tenho conjuntivite? Especialistas mostram os sintomas

Surto de conjuntivite: Como saber se tenho conjuntivite? Veja os sintomas

Surto de conjuntivite: Como saber se tenho conjuntivite? Especialistas mostram os sintomas
Esse texto foi útil para você?

A conjuntiva é a membrana que reveste a parte posterior da pálpebra e se prolonga para recobrir a parte branca do olho. Assim, a conjuntivite acontece quando essa membrana sofre infecções ou inflamações. Depois de vários anos fomos surpreendidos por um surto de conjuntivite viral em várias regiões do país. É importante, de fato, saber quais são os sintomas corretos de uma conjuntivite viral e como prevenir. Enfim, como saber se tenho a doença?

De acordo com o site do Hospital dos Olhos, essa conjuntivite viral é altamente contagiosa, principalmente no verão. Não é uma condição grave, mas provoca um incômodo muito grande. Ao mesmo tempo, pessoas que já tem problemas de visão, podem sofrer mais ainda com a infecção. Contudo, esse tipo de conjuntivite não é transmitido pelo ar, mas sim pelo contato com as secreções oculares e também através de tosse e espirro do paciente infectado.

Leia também: Como prevenir conjuntivιte? Veja os remédios caseiros que os médicos recomendam




Sintomas de conjuntivite

Coceira: assim que o vírus se instala no organismo, um dos primeiros sintomas é a coceira intensa. Ao mesmo tempo, a pessoa passa a ter uma sensação constante de areia ou cisco nos olhos. Isso incomoda muito

Vermelhidão nos olhos: como a conjuntivite viral ataca a membrana que recobre o olho, uma vez infectada, ela irá deixar a conjuntiva toda vermelha. Assim, os vasos sanguíneos que irrigam os olhos ficam bastante expostos devido a irritação provocada pela coceira e pela sensação de cisco no olho.

Olhos lacrimejantes: Ao mesmo tempo que a irritação deixa os olhos bem vermelhos, esses passam a lacrimejar direto. É uma tentativa do organismo de manter os olhos doentes irrigados, na esperança de amenizar a irritação.



Secreção esbranquiçada: a conjuntivite viral tem esse sintoma característico. A infecção e inflamação da conjuntiva promove a fabricação de uma secreção branca que fica, geralmente, no canto dos olhos. Ela será notada principalmente pela manhã ao acordar, depois de um ou dois dias do surgimento dos outros sintomas. Essa secreção irá deixar as pálpebras coladas todos os dias pela manhã.

Olhos inchados: as pálpebras incham bastante depois da infecção. Este sintoma é óbvio, pois há uma inflamação que está castigando a conjuntiva.

Fotofobia: quando todos os sintomas se instalam, aversão à luz vem forte. É por isso que as pessoas que pegam conjuntivite usam os óculos escuros para sair da rua. A luz do sol incomoda bastante.

Visão embaçada e borrada: algumas pessoas sentem a visão turva quando está no auge da infecção. Normalmente, não é motivo de preocupação, tudo voltará ao normal.



 

hospitaldeolhos

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


O Diário de Biologia é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de assuntos relacionados a Biologia, Saúde e Pesquisa. O material fornecido na categoria saúde, nutrição e bem-estar, não deve ser usado como conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos.
Topo