Mulher

Melhor anticoncepcional para emagrecer ou para não engordar, baseado em estudos científicos

Melhor anticoncepcional para emagrecer ou para não engordar

Melhor anticoncepcional para emagrecer ou para não engordar, baseado em estudos científicos
5 (100%) 3 votes

O pânico de qualquer mulher é ganhar muito peso e quando se diz respeito ao anticoncepcional já há uma crença de que os hormônios podem levar a retenção de líquidos e consequente inchaço e ganho de peso. Por isso, quem faz uso de pílula sempre quer o melhor anticoncepcional para emagrecer ou para não engordar.

Em entrevista ao site Vix, o ginecologista e obstetra Dr. Antonio Stockler, disse que alguns tipos de hormônios podem provocar um aumento na retenção de líquidos, o que leva ao aumento de peso. Mas, segundo ele, nem todos os hormônios presentes nas pílulas possuem estas características. Há, na verdade, algumas pílulas na qual as fórmulas ajudam a eliminar o inchaço, geralmente, provocado pelo período menstrual.




Anticoncepcional que emagrece

O uso de anticoncepcional na esperança de perder peso pode ser um grande erro. De acordo com a presidente do Departamento de Obesidade da Sociedade Brasileira de Endocrinologia, Dra. Cintia Cercato, ainda não existe nenhuma evidência científica que seu uso possa contribuir para a perda de peso. Essa indicação não está na bula e se quer existem bases científicas consolidadas.

 Assim, cientificamente falando, não existe um anticoncepcional que além de proteger contra gravidez, funcione como uma alavanca para a perda de peso.



Anticoncepcional que não engorda

Agora sim, podemos ter algumas considerações. Assim, como Dr. Antonio Stockler, explicou acima, há algumas formulações que aumentam a retenção líquida e outros que não tem esse efeito.

Este é um assunto amplamente estudado por diversos cientistas da área médica especialistas em endocrinologia e obesidade. Um estudo publicado no International Reprodutive Health Journal comparou três contraceptivos hormonais: implantes, injeções e pílulas. Durante um ano todas as mulheres ganharam um pouco de peso. As mulheres que tomaram pílula engordaram em média 0,9 kg, as que usaram implantes ganharam 0,8 kg e as que usaram a injeção hormonal engordaram 1,1 Kg em um ano. Um ganho de peso considerado baixo pelos cientistas.

Outro estudo também publicado no International Reprodutive Health Journal     acompanhou o peso de mulheres que faziam uso de levonorgestrel  (Microvlar, Nordette, Level, etc) e observaram um aumento de peso de 0,75 kg a cada 6 meses.



Qual escolher para não engordar?

A busca por um anticoncepcional que não engorda, pode estar relacionada com os componentes da fórmula. Então, o ideal é buscar aqueles que promovem o menos possível de retenção de líquidos. De acordo com o ginecologista e obstetra Dr. Élvio Floresti, os anticoncepcionais formulados com pouco estrogênio e progesterona que, geralmente, contém a drospirenona na teoria causam menos retenção de líquido.

Os anticoncepcionais que contém drospirenona costumam ser recomendados para mulheres que apresentam ou têm tendência a retenção de líquido de origem hormonal. Segundo a bula desses medicamentos, além da ação contraceptiva, a drospirenona apresenta propriedades que podem prevenir o ganho de peso e outros sintomas causados pela retenção de líquido, pois esses, possuem um efeito diurético bastante eficaz.

As pílulas das marcas Yasmin®, Yasminelle®, Yaz®, Beyaz®, Ocella®, Zarah® e Angeliq®, são as que contém a drospirenona na fórmula.

O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos.

Drospirenona /consultaremedios  Artigos científicos: Laura Moore et al / PonJola Coney et al /

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


O Diário de Biologia é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de assuntos relacionados a Biologia, Saúde e Pesquisa. O material fornecido na categoria saúde, nutrição e bem-estar, não deve ser usado como conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos.
Topo