Sua saúde

O que fazer em caso de picada de abelha ou vespa? Veja quando você precisa procurar um pronto-socorro

O que fazer em caso de picada de abelha ou vespa? Veja quando ir ao pronto-socorro

A maioria das espécies de abelhas e vespas são animais dóceis que não costumam ferroar o ser humano, a não ser que se sintam atacadas.  Ter uma abelha ao seu redor não representa perigo, a não ser que você tente acertá-la ou a esmague acidentalmente contra a sua pele. As abelhas não costumam atacar sem motivo. Mas, o que fazer em caso de picada de abelha ou vespa?

A picada ocorre quando o inseto insere na pele o seu ferrão, localizado no final do abdome, como forma de defesa ao se sentir atacado. Após a ferroada, o paciente sente uma intensa dor e uma pequena inflamação da região afetada. O local ferroado fica avermelhando e inchado. A lesão costuma ter entre 1,0 e 5,0 cm de diâmetro e desaparece após algumas horas. O grande problema é quando a pessoa tem reação alérgica. De qualquer forma há 4 regras a se seguir quando sofremos uma picada de abelha ou vespa.




O que fazer:

Remova o ferrão o mais rápido possível. Quando a abelha ou a vespa fazem a picada na pele, injetam um veneno irritante que provoca dor intensa no local, vermelhidão e inchaço. A retirada do ferrão deve ser imediata, pois isso evita que mais veneno seja injetado na pele. Essa é a coisa mais importante que você pode fazer. Tire-o com as unhas, se puder. Caso contrário, pegue uma pinça ou qualquer outra coisa que você tenha à mão.

 Lave a área com sabão e água fria. A água vai acalmar, e o sabão pode ajudar a remover resíduos de sujeira ou de veneno. Ensaboe bem e enxágue bastante o local.

Aplique uma pedrinha de gelo enrolada em papel de cozinha para reduzir o inchaço e aliviar a dor. O gelo causa um alívio imediato e diminui bastante o inchaço.



Passe uma pomada para picada de inseto na região afetada e deixe secar sem cobrir a pele. Alguns exemplos de pomadas para picada de inseto são: Polaramine; Andantol;​ Polaryn; Minancora. Elas ajudam a reduzir a coceira e a inflamação do local, promovendo o bem-estar.

Leia também: O que fazer quando temos espinha interna? Dermatologista ensina receita caseira usando saquinho de chá

Quando ir ao pronto-socorro

O veneno, normalmente, não faz mal e não é prejudicial para a maioria das pessoas, mas se a vítima for alérgica ao veneno das abelhas, pode ser fatal, se não for atendida por médicos imediatamente. Cerca de 3% da população é alérgica ao veneno das abelhas e podem desenvolver reações anafiláticas após ferroadas. Os sinais e sintomas que indicam uma reação alérgica exagerada à picada de uma abelha ou vespa são:



  • Aumento da vermelhidão, coceira e inchaço no local da picada;
  • Dificuldade para respirar e para engolir a saliva;
  • Inchaço do rosto, boca ou garganta;
  • Sensação de desmaio ou tonturas.
  • Uma pulsação rápida e fraca;
  • Náuseas, vômitos ou diarreia;

Quando manifestados qualquer um dos sintomas acima, não espere para ir correndo ao pronto-socorro. Se você for alérgico pode morrer em poucos minutos.

tuasaude / mdsaude

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


O Diário de Biologia é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de assuntos relacionados a Biologia, Saúde e Pesquisa. O material fornecido na categoria saúde, nutrição e bem-estar, não deve ser usado como conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos.
Topo