Mulher

Climatério: médico ensina receita natural para aliviar os sintomas dos calores da menopausa

Climatério: médico ensina receita natural para aliviar os sintomas dos calores da menopausa

O climatério é uma fase difícil na vida da mulher. Essa fase acontece por causa do esgotamento dos folículos ovarianos, o que provoca a progressiva diminuição da produção de estrógeno. Ele pode ser definido como a fase de transição entre o período reprodutivo da mulher e a fase em que ela não pode mais ter filhos. Os sintomas são sempre desconfortáveis e uma receita natural é tudo que a mulher gostaria que amenizá-los.

Como o fim da produção do estrógeno, vem aqueles sintomas clássicos desta fase, do qual se destaca os calores da menopausa, ou fogachos ou ondas de calor. A mulher começa a sentir um aumento exagerado da sua temperatura corporal, provavelmente porque os níveis de estradiol afetam o centro regulador da temperatura. Esses sintomas são péssimos e afetam diretamente a vida da mulher. Muitas podem ficar até mesmo impossibilitadas de realizar suas atividades diárias.

Existem algumas medicações que ajudam a passar essa terrível fase da mulher. No entanto, o melhor é buscar alternativas naturais, já que a fase já obriga algumas outras medicações. O Dr. Patrick Rocha presidente do Instituto Nacional de Estudos da Obesidade e Doenças Crônicas, possui um extenso estudo sobre formas naturais de combater sintomas de diversas doenças. Ele dá uma dica preciosa para mulheres na menopausa: a sálvia.




De acordo com o médico, a sálvia é uma planta medicinal utilizada para o tratamento de diversos problemas de saúde. Mas, ultimamente, a planta tem se tornado rotinas diárias de mulheres no climatério. Ao que parece, a sálvia pode amenizar os incômodos causados pelas intempéries hormonais do organismo feminino.

Dr. Rocha diz em seu site, que a sálvia age diretamente sobre o sistema nervoso, trazendo mais saúde e qualidade de vida às mulheres que estão passando por esse conturbado período hormonal. Ela ainda pode diminuir as sudoreses noturnas, ondas de calor e controlar a queda de cabelo. Além disso, pode ser uma aliada no controle da oscilação de humor que as mulheres costumam enfrentar nessa fase da vida. A partir de quatro semanas consumindo o chá feito com a planta já é possível notar esses efeitos.

Semelhanças com o final da vida reprodutiva da mulher em um orangotango indica mais semelhanças com os humanos

Como Consumir?



O consumo da planta ocorre basicamente através da ingestão de chá. Para preparar a bebida são necessários:

  • 2 colheres de chá de sálvia;


  • 300 ml de água.

A água deve ser adiciona a um recipiente e levada ao fogo. Assim que as primeiras borbulhas de fervura surgirem, deve-se desligar o fogo, adicionar a planta, tampar e deixar a bebida repousar por um período de dez minutos. Passado esse tempo o chá deve ser coado e então consumido.

drrocha/ saude.abril / mundoeducacao

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


O Diário de Biologia é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de assuntos relacionados a Biologia, Saúde e Pesquisa. O material fornecido na categoria saúde, nutrição e bem-estar, não deve ser usado como conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos.
Topo