Cardiologistas alertam: sentir frio nos pés e nas mãos o tempo todo pode ser insuficiência cardíaca

Pés frios e mãos frias pode ser problema cardíaco. Entenda!
Pés frios e mãos frias, mesmo em dias quentes, pode parecer uma besteira, mas, pode ser um problema cardíaco. Entenda porque isso acontece.

Pés frios e mãos frias, mesmo em dias quentes ou ambientes aquecidos, pode parecer uma besteira e algo transitório, contudo, pode ser um problema sério relacionado à saúde do coração, um problema cardíaco.

Pés e mãos frias podem indicar má circulação sanguínea, quando o sangue tem dificuldade em passar pelas veias e artérias, levando também calor para as extremidades do corpo. É muito importante procurar um médico para realizar exames e verificar se não sofre de um quadro de insuficiência cardíaca. Quando nosso coração tem dificuldade em bombear adequadamente o sangue, desenvolvemos um quadro de insuficiência cardíaca que tem justamente, como principal sintoma, a sensação de frio nos pés e nas mãos.

Além disso, o tabagismo e condições de saúde ligadas a ele,  podem reduzir a capacidade de absorção de oxigênio dos pulmões, levando a níveis mais baixos de oxigênio no sangue. E a doença arterial periférica (DAP) e outras formas de doença cardíaca podem levar ao estreitamente das artérias, dificultando a circulação de sangue em todo o corpo. As extremidades, como as mãos e os pés, são especialmente sensíveis à má circulação, que pode manifestar-se com a sensação de frio.

♥  Dor no peito, nem sempre é infarto. Veja quatro causas para o problema

Observe se em conjunto com este sintoma esteja com pontas dos dedos muito brancas, unhas arroxeadas, inchaço das pernas e pés, dor nas panturrilhas ao andar, coração batendo acelerado e sensação de formigamento nas extremidades do corpo. Nestes casos, é impossível adiar a ida ao médico para diagnóstico e tratamento adequado, até porque, como sabemos, as doenças cardiovasculares são consideradas enfermidades de risco de vida.

Mas atenção: Uma pessoa também pode ficar com os pés e as mãos frias quando está num ambiente frio. Os bebês também costumam ter as extremidades frias e isso, na maior parte das vezes, não está relacionado a nenhuma doença vascular nem cardíaca.

tuasaude / vix

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Bióloga - CRBio/RJ 96514/02-D. Fundadora e administradora do Diário de Biologia. Possui graduação em Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas. Doutorado (2013) e Mestrado (2009) em Zoologia pelo Museu Nacional/UFRJ, especialista em insetos, autora do livro "O Mundo Secreto dos Insetos" - Cortez Editora. Experiência com palestras nacionais e internacionais. É autora ou coautora de artigos científicos publicados em revistas científicas, livros e capítulos de livro, e comunicações em eventos nacionais e internacionais. Colaboradora em revistas de divulgação científica para crianças (Ciência Hoje Para Crianças e Revista Recreio). Interessada em cultivo de plantas carnívoras. Atualmente mora na França, mas seu coração é brasileiro. Instagram: @karlla_diariodebiologia.