Alimentação

Depois que você se casou, está engordando? A culpa é do seu marido, diz estudo!

Engordando depois do casamento? Estudo revela que a culpa é do seu marido

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Edimburgo, na Escócia concluiu o marido é o grande responsável por a esposa estar engordando quando passam a viver juntos. Os autores disseram que são os hábitos alimentares do parceiro que podem definir no ganho de peso das companheiras depois do casamento. O estudo avaliou informações relacionadas a genética, hábitos e ambientes domésticos da infância e vida adulta de 20 mil pessoas e ficou definido que a culpa é do marido!

Segundo os autores do estudo, quando passam a viver juntos, há uma tendência do casal de passar a cozinhar comidas mais calóricas que são avidamente compartilhadas. É a cumplicidade na hora de comer “gordices” como pizzas, sobremesas e pipoca que contribuem para a obesidade de ambos. Independentemente do tipo físico pessoal, a convivência com o parceiro dentro de uma mesma casa contribui de forma significativa para o aumento de peso.

Mas o contrário também pode acontecer. Se o marido se ele se alimenta bem e pratica atividades regularmente, a mulher  terá mais chances de adquirir esse hábito também. Isso quer dizer que o casamento também pode ajudar a reverter um cenário pouco saudável.




 Na idade média, envenenadora profissional ajudava mulheres com casamentos problemáticos e se livrar do problema

Casal felizes

Mas olha que engraçado: outro estudo da Universidade Metodista do Sul em Dallas, acompanhou 169 casais recém-casados durante um período de quatro anos e chegou a conclusão: as mulheres e os homens ganharam peso.

Os pesquisadores concordam que são precisamente os relacionamentos mais satisfatórios e felizes que promovem um ganho de peso maior porque o casal não está pensando num possível divórcio e que, assim, não precisam se importar com aparência, uma vez que já conquistou seu objeto de desejo.

Fonte: vix / telegraph Artigo: Charley Xis et al

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Topo