Dermatologista faz sucesso em vídeos removendo os cravos e espinhas mais nojentos de seus pacientes


A dermatologista Sandra Lee, dos EUA, está acumulando milhares de seguidores em seu canal no YouTube, depois que passou a postar suas sessões de extração de cravos, espinhas e outros. Nos vídeos Sandra publica situações bem nojentas, porém hipnotizantes mostrando diferentes tipos de cravos, espinhas, cistos e abcessos sendo retirados de seus pacientes.

O “hipnotismo” causado por vídeo de extração de espinhas tem se tornado populares pelo mundo e agora há inclusive o termo “pimple porn” – algo como “pornô de espinhas”, que conquista cada vez mais adeptos.

Sandra lembra que antigamente, embora as pessoas se sentissem atraídas por assistirem vídeos de espinhas, elas se escondiam para tal, mas agora isso se tornou moda. “Vendo meus vídeo as pessoas se sentem em uma comunidade de apreciadores desse tipo de vídeo e que não há problema em assistir aos vídeos.”, analisa Sandra.


Abaixo separamos uma compilação do trabalho da Sandra. Quem gosta vai adorar assistir isso!

https://www.youtube.com/watch?v=OHsQ6Xmes2o

Fonte: megacurioso    Imagens: bolsademulher

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Bióloga - CRBio/RJ 96514/02-D. Fundadora e administradora do Diário de Biologia. Possui graduação em Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas. Doutorado (2013) e Mestrado (2009) em Zoologia pelo Museu Nacional/UFRJ, especialista em insetos, autora do livro "O Mundo Secreto dos Insetos" - Cortez Editora. Experiência com palestras nacionais e internacionais. É autora ou coautora de artigos científicos publicados em revistas científicas, livros e capítulos de livro, e comunicações em eventos nacionais e internacionais. Colaboradora em revistas de divulgação científica para crianças (Ciência Hoje Para Crianças e Revista Recreio). Interessada em cultivo de plantas carnívoras. Atualmente mora na França, mas seu coração é brasileiro. Instagram: @karlla_diariodebiologia.