Ler no carro em movimento pode mesmo descolar a retina?


“É verdade que podemos deslocar a retina durante uma leitura dentro do carro em movimento?”  Celimar Honorato

Celimar, apesar de muitas pessoas acreditarem que ler em carros, trens, ônibus em movimento pode descolar a retina, isso é um MITO. Também não traz nenhum prejuízo à visão e não é a causa de problemas como miopia, hipermetropia e astigmatismo.

A retina é a região do olho que recebe a luz e a transforma em sinais que serão enviados ao cérebro. É como uma tela onde se projetam as imagens: retém as imagens e as traduz para o cérebro através de impulsos elétricos enviados pelo nervo óptico. Somente uma pancada muito forte pode fazer com que ela descole do fundo do olho.

Ler no veículo em movimento pode causar diversos desconfortos e muito cansaço pois é necessário focar o olho o tempo todo. As pessoas mais sensíveis ficam tontas e enjoadas. Isso acontece porque há um vínculo entre o labirinto (estrutura responsável pelo equilíbrio localizada dentro do ouvido) e a visão. O esforço que o olho realiza para focar as palavras dá ao labirinto a sensação de que tudo em volta treme. Daí, ele tenta restabelecer o equilíbrio, provocando a tontura. Para se ver livre do desconforto, só parando de ler mesmo.Existe um registro na literatura médica sobre um homem que descolou a retina lendo em um barco, mas ele tinha 6 graus de miopia e um caso severo de diabetes, isso com certeza agravou a situação.


Outro mito relacionado aos olhos é o de que ler com pouca luz enfraquece a visão e causa doenças como miopia e astigmatismo. Na verdade a baixa luminosidade dificulta a leitura e cansa o leitor, mas não prejudica a vista.

reading-in-car-sm

Fonte: Superinteressante e New York Times

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Bióloga - CRBio/RJ 96514/02-D. Fundadora e administradora do Diário de Biologia. Possui graduação em Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas. Doutorado (2013) e Mestrado (2009) em Zoologia pelo Museu Nacional/UFRJ, especialista em insetos, autora do livro "O Mundo Secreto dos Insetos" - Cortez Editora. Experiência com palestras nacionais e internacionais. É autora ou coautora de artigos científicos publicados em revistas científicas, livros e capítulos de livro, e comunicações em eventos nacionais e internacionais. Colaboradora em revistas de divulgação científica para crianças (Ciência Hoje Para Crianças e Revista Recreio). Interessada em cultivo de plantas carnívoras. Atualmente mora na França, mas seu coração é brasileiro. Instagram: @karlla_diariodebiologia.