Depois de ser abandonada pela mãe, bebê girafa precisa de receber nutrientes via intravenosa, veja detalhes!


Daisy, uma girafinha bebê do Zoológico de Southwick, Massachusetts foi abandonada pela mãe e precisou ser alimentada através de tubos presos em seu pescoço e mamadeira. Apesar de ainda ser um bebê, a mãe de Daisy se negou a alimenta-la pois ela nasceu muito grande. Os cuidadores do zoo acreditam que a mãe de Daisy deixou de vê-la como um bebê por causa ao seu tamanho.

Devido à falta de nutrientes vindos do leite materno, Daisy teve uma queda significativa do sistema imunológico e por isso foi separada dos outros animais e os cuidadores do zoológico tentam nutri-la por via intravenosa através de tubos presos pelo pescoço até que sua contagem de células sanguíneas normalizem. Por estes tubos o bebê girafa também recebe complexos vitamínicos essenciais para seu desenvolvimento. Além disso, ela veste um colete que a mantém aquecida uma vez que sua mãe se nega a fazer este trabalho.

article-0-1B1871FE00000578-335_634x1112
Daisy, uma girafinha bebê do Zoológico de Southwick, Massachusetts foi abandonada pela mãe e precisou ser alimentada através de tubos presos em seu pescoço e mamadeira.
article-0-1B18720200000578-89_634x734
Os cuidadores do zoo acreditam que a mãe de Daisy deixou de vê-la como um bebê por causa ao seu tamanho.
girafa
Daisy teve uma queda significativa do sistema imunológico e por isso foi separada dos outros animais e os cuidadores do zoológico tentam nutri-la por via intravenosa através de tubos presos pelo pescoço até que sua contagem de células sanguíneas normalizem.

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Bióloga - CRBio/RJ 96514/02-D. Fundadora e administradora do Diário de Biologia. Possui graduação em Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas. Doutorado (2013) e Mestrado (2009) em Zoologia pelo Museu Nacional/UFRJ, especialista em insetos, autora do livro "O Mundo Secreto dos Insetos" - Cortez Editora. Experiência com palestras nacionais e internacionais. É autora ou coautora de artigos científicos publicados em revistas científicas, livros e capítulos de livro, e comunicações em eventos nacionais e internacionais. Colaboradora em revistas de divulgação científica para crianças (Ciência Hoje Para Crianças e Revista Recreio). Interessada em cultivo de plantas carnívoras. Atualmente mora na França, mas seu coração é brasileiro. Instagram: @karlla_diariodebiologia.