O bichinho da cárie existe mesmo?


“Minha mãe falou que é um bichinho que causa a cárie? É verdade mesmo? De onde vem esse bicho?” Rafael D. – Rio de Janeiro

Rafael querido, quando você escuta falar que a cárie é causada por um bichinho, não é pra se levar ao pé da letra. Na verdade, os causadores da cárie são bactérias, uma delas é a Streptococcus mutans. As bactérias não são bichos, são microrganismos com apenas uma célula que é diferente da nossa. Os bichos são do reino Animal, as bactérias são do reino Monera, ok?

Bom, a cárie tem início quando a bactéria se fixa sobre a superfície que protege o dente, camada conhecida como esmalte, formado por proteínas e minerais de cálcio e fosfato. Ela usa o açúcar que fica na nossa saliva para se nutrir, crescer e com o crescimento, se formam as placas dentárias. Na reação química do metabolismo da bactéria com o açúcar, ocorre a produção de ácido lático. Esse ácido aumenta a acidez na superfície do dente, levando à desmineralização (enfraquecimento) do esmalte, e à formação de pequenas cavidades que são invadidas pelas bactérias.


Invadindo os furinhos, o processo continua até chegar na dentina e a polpa do dente, de onde a bactéria pode atingir a corrente sanguínea e provocar graves infecções em outras partes do corpo. Com o passar do tempo, todo o dente é destruído. Como a formação da placa dentária e a produção de ácido que provocam a cárie são dependentes da ingestão de açúcar. Por isso, quanto mais açúcar você ingerir, mais alimento as bactérias terão!

carie-2
Na verdade, os causadores da cárie são bactérias, uma delas é a Streptococcus mutans.

Quando vamos ao dentista por causa de uma cárie, ele remove toda região atacada pela bactéria, coloca uma substância selante e preenche o buraco com uma massinha que endurece e fica com consistência parecida com o esmalte do dente. Apenas seu dentista pode dizer com certeza se você tem uma cárie, pois elas se desenvolvem embaixo da superfície do dente, onde você não pode vê-las.

carie
A cárie é um inimigo invisível…. O melhor é prevenir!

—————————————————-


Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Bióloga - CRBio/RJ 96514/02-D. Fundadora e administradora do Diário de Biologia. Possui graduação em Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas. Doutorado (2013) e Mestrado (2009) em Zoologia pelo Museu Nacional/UFRJ, especialista em insetos, autora do livro "O Mundo Secreto dos Insetos" - Cortez Editora. Experiência com palestras nacionais e internacionais. É autora ou coautora de artigos científicos publicados em revistas científicas, livros e capítulos de livro, e comunicações em eventos nacionais e internacionais. Colaboradora em revistas de divulgação científica para crianças (Ciência Hoje Para Crianças e Revista Recreio). Interessada em cultivo de plantas carnívoras. Atualmente mora na França, mas seu coração é brasileiro. Instagram: @karlla_diariodebiologia.