Fuja desse bichinho fofo, as lesões são umas das mais dolorosas que você pode imaginar!

Lagarta de fogo ou lagarta cachorrinho: uma das maiores dores do mundo

“Encontrei esse bichinho perto de uma cachoeira, parece pelúcia. Me disseram que é uma lagarta de fogo, eu conheço como lagarta cachorrinho. É verdade que a queimadura provoca uma das maiores dores?” Luciana Vieira

Que fofo, não é Lú? Esse bichinho simpático é uma lagarta, ou seja, uma larva de mariposa. Mas ela não é só uma lagartinha comum, na verdade é uma das lagartas mais perigosas que temos por aqui. Pertence a ordem Lepidoptera (borboletas e mariposas), da família Megalopygidae e provavelmente do gênero Podalia sp. Por causa dessa carinha de pelúcia são conhecidas como “lagartas-gatinho”, lagartas-cachorrinho” ou então “lagartas-de-fogo”.

O nome lagarta-de-fogo não é à toa. Essa lagarta possui cerdas urticantes capazes de causar o maior estrago na nossa pele. As cerdas são estruturas de ponta aguda e resistente, contendo glândulas produtoras de veneno. Na base da cerda apresenta uma única glândula inserida no tegumento da lagarta.

Fique longe desses aglomerados de lagartas: acidentes com taturanas podem levar a hemorragias e insuficiência renal


Quando pressionada por ocasião do contato, a glândula libera o veneno que percorre um canal, sendo injetado na pele humana. A principal característica dos Megalopigídeos é a presença de longas cerdas, frágeis, sedosas que parecem inofensivas, semelhantes a “pelos” que escondem os verdadeiros as cerdas ocas contendo uma toxina, ou seja, são verdadeiramente venenosas.

As cerdas possuem uma alta capacidade de causar queimaduras, inchaço e vermelhidão, em casos graves pode causar febre. Os acidentes com lagartas são conhecidos no meio médico-científico como erucismo.  Ao menor contato com a lagarta de fogo, lave bem o local e vá ao hospital em caso de febre e vômito. Felizmente, os adultos geralmente são inofensivos.

Lagarta de fogo ou lagarta cachorrinho: uma das maiores dores do mundo
Por causa dessa carinha de pelúcia são conhecidas como “lagartas-gatinho”, lagartas-cachorrinho” ou então “lagartas-de-fogo”.
Lagarta de fogo ou lagarta cachorrinho: uma das maiores dores do mundo
Adulto…

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 


Bióloga - CRBio/RJ 96514/02-D. Fundadora e administradora do Diário de Biologia. Possui graduação em Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas. Doutorado (2013) e Mestrado (2009) em Zoologia pelo Museu Nacional/UFRJ, especialista em insetos, autora do livro "O Mundo Secreto dos Insetos" - Cortez Editora. Experiência com palestras nacionais e internacionais. É autora ou coautora de artigos científicos publicados em revistas científicas, livros e capítulos de livro, e comunicações em eventos nacionais e internacionais. Colaboradora em revistas de divulgação científica para crianças (Ciência Hoje Para Crianças e Revista Recreio). Interessada em cultivo de plantas carnívoras. Atualmente mora na França, mas seu coração é brasileiro. Instagram: @karlla_diariodebiologia.