Estudos e pesquisas

Essa linda mulher viveu há 3700 anos e vários dados sobre sua vida foram revelados depois de estudos de seus ossos

Ela foi batizada de Ava e viveu há 3.700 anos, na Idade do Bronze, período conhecido por povos com habilidade em trabalhos no metal e a um estilo único de cerâmica.

Os ossos da moça foram encontrados em 1987, quando pesquisadores descobriram seu crânio e vários outros fragmentos de ossos em um buraco cavado em uma rocha. Ao lado da ossada havia artefatos e por um pequeno vaso de bronze.


Os especialistas acreditam que Ava era uma pessoa importante na comunidade, pois, naquela época, os mortos eram enterrados no solo e a sepultura era coberta por pedras. Mas Ava estava dentro de uma escavação na rocha, o que levou um bom tempo para ser feito.

Ava viveu há 3.700 anos e teve o rosto reconstruído digitalmente

A reconstituição do rosto de Ava, feita por Hew Morrison, envolveu diversos tipos de estudos de dimensões e cálculos para obtenção de uma possível mandíbula, já que esta estrutura não foi encontrada junto com sua ossada. Com base no tamanho dos dentes de Ava, Morrison conseguiu recriar o tamanho de seus lábios e calcular a profundidade de outros tecidos faciais.

Ela tinha, possivelmente entre 18 e 22 anos. Esse dado foi revelado com um especialista que examinou o desgaste natural dos dentes. Com base no comprimento de sua tíbia, os especialistas estimaram a altura de Ava em 1,67m, não muito diferente da altura de uma mulher de hoje. Para a cor dos olhos e cabelos foram aplicadas ao crânio as médias modernas representativas do tecido humano para o sexo feminino caucasiano europeu no intervalo de idade identificado.

achavanichbeakerburial

Acesse nosso novo site! data-recalc-dims=

Novidades

Topo