Doenças

O cabelo estranho desta menina tem uma condição genética que só foi diagnosticada, até agora, em 100 pessoas no mundo

O cabelo estranho desta menina tem uma condição genética que só foi diagnosticada, até agora, em 100 pessoas no mundo
Esse texto foi informativo para você?

A australiana Shilah Yin, de 7 anos, tem uma característica genética chamada Síndrome do Cabelo Impenteável. Talvez você nunca tenha ouvido falar, até porque, sua condição só foi descoberta e confirmada até agora em apenas 100 pessoas no mundo, de acordo com o Genetics Home Reference.

O cabelo da Shilah é absurdamente ressecado, frisado e o crescimento não segue um padrão de crescimento normal, ou seja, para baixo. Ele se orienta para múltiplas direções. Apesar de ser um problema genético, nenhuma outra pessoa na família de Shilah tem cabelos como o dela. Seu irmão de nove anos, Taelan, tem cabelo castanho e liso.


Sobre a Síndrome do Cabelo Impenteável

A prevalência desta síndrome é desconhecida.  Pelo menos 100 casos foram descritos, até agora, na literatura científica. Provavelmente há mais pessoas que não são diagnosticadas pois o problema parece atingir somente crianças e, ao que parece, depois de um tempo, por razões desconhecidas, na vida adulta, os cabelos parecem crescer com uma textura melhorada.

A síndrome é causada por mutações no gene PADI3 , TGM3 ou TCHH . Esses genes fornecem instruções para produzir proteínas que ajudam a dar estrutura aos cabelos, provavelmente levam à produção de proteínas com pouca ou nenhuma atividade. Como resultado, a forma do eixo do cabelo é alterada. Em vez de ter uma forma cilíndrica, tem forma triangular.

Em crianças 50 a 100% dos fios de cabelo têm uma forma irregular. Além disso, o cabelo anormal reflete a luz de forma diferente do cabelo normal, representando seu brilho reluzente. A síndrome é geralmente, herdada através de um m padrão autossômico recessivo.

ghr / odditycentral

Novidades

Topo