Sua saúde

O famoso “travesseiro NASA” é verdadeiramente um projeto da NASA? E ele realmente é melhor que os travesseiros convencionais? Descubra isso agora.

O famoso “travesseiro NASA” é verdadeiramente um projeto da NASA? E ele realmente é melhor que os travesseiros convencionais? Descubra isso agora.
Esse texto foi informativo para você?

O travesseiro NASA é feito da famosa espuma viscoelástica, que é automoldável, ou seja, ela afunda de acordo com o peso de cada parte do seu corpo moldando-se aos seus contornos, deixando o peso uniformemente distribuído pela espuma. Além disso, a espuma não se deforma com o tempo, pois ao ser retirada a pressão do corpo, ela volta ao formato original. Mas enfim, é da NASA mesmo, ou isso é estratégia de marketing?

Podemos dizer que sim, a espuma do qual é feita o famoso travesseiro da NASA é uma das tecnologias criadas pela Agência Espacial Americana. Ela foi encomendada na década de 1960, com o objetivo de conseguir um revestimento para a nave que absorvesse choques. A proposta era desenvolver uma espuma para as poltronas que deixasse os astronautas mais confortáveis durante a decolagem quando eram submetidos a grandes acelerações.


No entanto, a tecnologia nunca foi realmente para o espaço. O cheiro dessa espuma era muito forte, e então ela não decolou. Mas a resposta é sim, o projeto é da NASA e foi liberada para fabricantes de travesseiros e colchões na década de 1980. Hoje a espuma visco-elástica acolchoa travesseiros, colchões, aviões, automóveis, motocicletas, capacetes de futebol americano, bancos de montanha-russa, celas de cavalo, próteses humanas e animais.

Mas ela faz mesmo bem para a saúde?

O travesseiro NASA é ótimo para a postura pois tem capacidade de se moldar aos contornos da coluna cervical na região do pescoço, além de fornecer um excelente suporte à cabeça, favorecendo assim a obtenção e manutenção de uma postura correta ao dormir. O corpo é abraçado (quase aninhado) pelo travesseiro, o que, além de trazer vantagens posturais, ainda previne as indesejadas dores localizadas nas costas, ombros e pescoço.

Além disso, é  macio, agradável ao toque e possui uma densidade adequada, capaz de propiciar o relaxamento necessário para dormir bem e ininterruptamente. Diferentemente de muitos outros tipos de travesseiro, o travesseiro NASA é realmente antialérgico. As matérias primas utilizadas na produção do mesmo evitam a proliferação dos fungos, ácaros e bactérias que comprometem tanto a saúde.

Fonte: blogadmirare / super

Novidades

Topo