Comportamento

Entenda de uma vez por todas as diferenças entre gênero e orientação sexual. De forma simples, clara e lúdica!

Entenda de uma vez por todas as diferenças entre gênero e orientação sexual. De forma simples, clara e lúdica!
5 (100%) 1 vote

O termo “Gênero” foi usado pela primeira vez em 1955, pelo psicólogo John Money, como uma forma de expressar uma distinção social e psicológica entre os homens e as mulheres. Então, a filósofa Simone de Beauvoir complementou a teoria com a famosa frase “Não se nasce mulher, torna-se mulher”, citada no Enem 2015, que evidenciou os componentes sociais em sua construção.

Importantes avanços dos estudos entre as décadas de 1970 e 1980, especialmente nas ciências sociais, reforçou a dissociação entre gênero e genitais. O termo “transgênero” foi criado pelo psiquiatra John F. Oliven há 50 anos e já foi bem aceito pela ciência desde então. Mas vamos ao que interessa! Entenda agora o que é cada uma dessas definições.


Sexo Biológico

São suas características físicas, como o órgão sexual, seus hormônios e cromossomos. Ou seja, pode ser macho, fêmea ou intersexual. Biologicamente, dizemos que o sexo biológico é definido pela combinação dos seus cromossomos com a sua genitália. No caso dos intersexuais, a mudança se caracteriza pela indeterminação do sexo biológico, e pode se manifestar de formas diferentes, seja por conta de as gônadas apresentarem características intermediárias entre os dois sexos, ou o aparelho genital não condizer com o tipo cromossômico.

Identidade de gênero

Como você pensa a respeito de si. Ou seja, representa como a pessoa se reconhece: homem, mulher, transgênero. O que determina a identidade de gênero é a maneira como a pessoa se sente e se percebe, assim como a forma que deseja ser reconhecida pelas outras pessoas. O transgênero é o indivíduo que se identifica com um gênero diferente daquele que lhe foi atribuído no nascimento. Por exemplo: uma pessoa que nasce com características masculinas (do ponto de vista biológico), mas que se sente do gênero feminino; ou o indivíduo que possui características físicas femininas, mas que se identifica como um homem.

Orientação afetiva-sexual

Quem você fisicamente e emocionalmente se sente atraído. Depende do gênero pelo qual a pessoa desenvolve atração sexual e laços românticos. Pode ser Heterossexual, por alguém de outro gênero; Homossexual, por alguém do mesmo gênero; Bissexual: por ambos. A assexualidade é a ausência de atração por todos os gêneros. Mas ainda não há consenso se ela é ou não uma orientação sexual.

Expressão de gênero

Como você demonstra seu gênero através da sua forma de agir, se vestir e interagir. Ou seja, refere-se às maneiras que as pessoas usam para expressar seu gênero em sociedade, desde o uso de roupas e acessórios até detalhes físicos, como os gestos, as atitudes e o timbre da voz. Embora a sociedade e o mercado “generifiquem” os objetos em feminino e masculino, coisa de mulher, coisa de homem, na verdade, as coisas (por si sós) não têm gênero. Quando você veste uma roupa, aquela roupa passa a ter o SEU gênero, porque é VOCÊ que a está usando.

 

ME / identidades

Novidades

Topo