Animais

Macacos bandidos: eles roubam suas coisas e pedem resgate em comida. O vídeo vai deixar você bastante surpreso!



A cada dia a semelhança entre os macacos e os humanos nos deixam impressionados. Agora, um grupo de macacos que vive perto do templo Uluwatu, na Indonésia, aprenderam sozinhos que para ter comida, basta “roubar” as coisas dos visitantes e aguardar que eles negociem a devolução oferecendo alimentos.

Os bichinhos são inteligentes de verdade! E, ao invés de serem treinados para fazer coisas, eles é que treinam os funcionários do templo para alimentá-los quando eles pegam objetos dos visitantes. Em um destes episódios um macaco mafioso adentrou ao recinto e roubou dinheiro do caixa do vendedor de tickets e só devolveu a grana depois que comida boa foi oferecida em troca. Entre os itens favoritos estão bolsas, celulares, chapéus e óculos, arrancados diretamente do rosto das vítimas.


Comportamento gerando estudos científicos

A primatologista Fany Brotcorne da Universidade de Liège na Bélgica decidiu estudar este comportamento atípico, até então. Ela acha que o comportamento foi aprendido ao invés de ser uma habilidade inata e que compreender tal comportamento poderia nos ajudar a perceber as habilidades cognitivas dos macacos, e até a própria evolução humana.

Após quatro meses de observação, a pesquisadora percebeu que aqueles que passavam a maior parte do tempo rondando os turistas tinham as maiores taxas de roubo e “pedido de resgate”. Segundo ela, eles aprenderam o comportamento ao observar os indivíduos mais velhos quando eles estavam crescendo e que os machos jovens se arriscam mais e apresentam mais índices de roubo que os outros.

É possível, segundo Brotcorne, que este comportamento seja cultural, transmitido através das gerações e que seja aprimorado com o tempo. Isso significa que eles sabem que um celular vale mais comida do que um óculo de sol.

Fonte: hypescience

Novidades

Topo
error: Sinto muito! Conteúdo protegido.