Animais

A Barreira de Corais mais rica do planeta está morrendo. Infelizmente, os danos não têm mais volta!

A Grande Barreira de Corais, localizada na Austrália e considerada um dos ecossistemas mais ricos do planeta vem sofrendo danos ambientais que não tem mais volta.

Um levantamento aéreo mostrou que dois terços da barreira já está comprometida. O branqueamento dos corais, fenômeno que vem acontecendo há anos, já chegou à porção central da barreira. Os danos estimados chegam a 1,5 mil km do recife de corais. Estudos mostram que apenas a parte sul da grande barreira está relativamente intocada.


O branqueamento dos corais acontece acontecem mudanças ambientais, fazendo com que os corais expulsem as algas que vivem em seus tecidos. Sem a sua principal fonte de nutrientes, os corais morrem mais facilmente. Esse processo é intensificado pelas mudanças na temperatura da água, e diretamente pelo aquecimento global. Apesar de preocupante, esse processo é reversível. Porém, quanto mais alterado está o ambiente, pior é a recuperação do coral.

Quando estão vivos, os corais são assim.

O que é preocupante é o intervalo de tempo em que esse fenômeno de branqueamento acontece: nos últimos anos ele vem acontecendo mesmo sem a influência do El Niño, devido ao aquecimento anormal das águas na superfície no Oceano Pacífico Tropical que intensificou o branqueamento de corais.

Iniciativas que visem ações contra a emissão de gases do efeito estufa e contra os combustíveis fósseis em favor das energias renováveis devem ser realizadas por governantes a fim de conservar esse ecossistema tão rico.

Fonte: bbc
Imagens: oglobo

Acesse nosso novo site! data-recalc-dims=

Novidades

Topo