Estudos e pesquisas

10 tipos de menstruação e o que podem dizer sobre sua saúde: coágulos, coloração, etc.

Menstruação é a descamação das paredes internas do útero quando não há fecundação. Essa descamação faz parte do ciclo reprodutivo da mulher e acontece todo mês. O corpo feminino se prepara para a gravidez, e quando esta não ocorre, o endométrio (membrana interna do útero) se desprende. O fluxo menstrual é composto, então, por sangue e tecido interior uterino.

Alguns especialistas arriscam em dizer quer durante todo o período, os especialistas calculam que uma mulher libere entre 30 e 50 ml de sangue. A duração deve ser de três a oito dias, com um sangue sem muitos coágulos e com o uso de até seis absorventes por dia.


Mas o que muita mulher não sabe é que o aspecto do sangue menstrual pode dizer muito sobre a sua saúde. Relacionamos aqui dez situações em que uma mulher pode enfrentar durante o período menstrual e o que isso pode significar para saúde dela.

Menstruação com cor de “borra de café”

Normalmente, este aspecto não tem significado grave e na maioria dos casos também tem relação com o tempo em que o sangue passa dentro do canal vaginal. Mas, elas também podem caracterizar o “escape”, secreção de cor amarronzada que desce fora do período esperado para a menstruação. Entre as principais causas do episódio estão os anticoncepcionais de baixa dosagem, o uso da pílula do dia seguinte, as alterações hormonais de origem emocional, o surgimento da endometriose, lesões ou miomas no colo do útero ou ainda uma gravidez. Mas fique atenta, o escape borra de café para muitas mulheres é o primeiro sinal da gestação. Ele é proveniente da nidação, processo que fixa o óvulo fecundado no endométrio.

Menstruação com cheiro forte

O sangue em si não tem cheiro forte. No entanto, como ele passa por todo o canal vaginal, se mistura com bactérias e fungos naturais à flora da região e, dessa forma, começa a envelhecer.

Por isso, a menstruação tem um cheiro específico – que para as pessoas com o olfato mais sensível pode ser forte. Embora a menstruação possa ter um cheiro forte, ele não deve ser fétido e nem cheirar podre. Isso porque esses sinais podem ser sintomas de algumas infecções vaginais. Nesses casos é essencial procurar por um especialista. Vale lembrar também que quanto mais tempo exposto ao ambiente externo, mais o sangue envelhece. É por isso que o cheiro dos absorventes é mais forte do que o da menstruação em si.

Menstruação com muito sangue

O que determina o fluxo menstrual, é a quantidade de hormônio produzida enquanto o útero se prepara para receber o óvulo fecundado produzindo o endométrio. No começo e no fim da idade reprodutiva, é normal que a menstruação seja intensa devido aos ajustes hormonais que estão acontecendo. Na idade adulta, a tendência é que a quantidade seja normalizada. Mesmo não sendo comum, mulheres com alterações hematológicas perdem muito sangue (a menstruação dura mais de oito dias e o fluxo é muito intenso) e, por isso, podem sofrer com anemia. Nesses casos, ao notar qualquer alteração, é importante procurar um especialista.

Menstruação com pouco sangue

Além das alterações hormonais comum na puberdade e no início da menopausa que podem aumentar ou diminuir o fluxo, o uso de anticoncepcionais também contribui para que a menstruação diminua. A ingestão do hormônio sintético (pílulas anticoncepcionais, por exemplo) afina o endométrio e, por isso, a quantidade de sangramento reduz.

Menstruação que dura muitos dias

Instabilidades hormonais provenientes da adolescência ou da terceira idade e o uso de pílula do dia seguinte podem interferir no tempo de duração do ciclo menstrual. Mas, assim como em casos de fluxos muito intensos, a menstruação muito longa, com mais de oito dias de duração e que aparece repentinamente, merece atenção. Ela pode causar anemia, pode ainda ser sinal de variação hormonal e indicar miomas, pólipos ou endometriose. Procure um médico!

Menstruação que dura poucos dias

Já o fluxo que é mais curto, pode ter relação direta com o uso de anticoncepcionais. Isto porque, como já explicado, o hormônio sintético reduz a quantidade de endométrio produzido e, logo, expelido.

Menstruação muito clara (sangue vivo)

A menstruação com coloração bem intensa é absolutamente normal e sinal de que o sangue, desde que saiu do útero, pouco sofreu envelhecimento ou com a ação dos agentes coagulantes.

Menstruação com sangue muito escuro

Já quando a cor é mais escura, próximo ao tom do vinho, marrom escuro ou preto, geralmente, é indicativo de menor fluxo. Isto porque, sendo pouco, a tendência é que o líquido demore mais para passar por todo o canal e, assim, fique mais tempo exposto às ações decompositoras das bactérias e dos fungos naturais da região. Por isso, essa caraterística é natural no começo ou no fim do ciclo. No entanto, se a coloração persistir por todo o ciclo, o ideal é também procurar ajuda médica porque ela pode ser sintoma de algum outro problema, como a endometriose.

Fontes: vix / gineco
Imagens: Reprodução/ wikihow/ saudeevidaboa

 


Acesse nosso novo site! data-recalc-dims=

Comentários

Novidades

Topo