Cientistas descobrem “leite” de baratas e confirmam que é mais nutritivo que o leite de vaca!

É natural e comum que os mamíferos produzam leite para alimentar seus filhotes assim que eles nascem, inclusive como acontece com os seres humanos. E se um inseto temido por várias pessoas como a barata produzisse leite, você tomaria? Essa pergunta já causa certo desconforto e agonia só de pensar em tomar leite de uma barata, mas isso pode se tornar uma realidade num futuro próximo.

Embora muitas pessoas desconheçam a importância dos insetos, há 10 anos, uma PESQUISA liderada pelos cientistas do Institute for Stem Cell Biology and Regenerative Medicine, em Bangalore na Índia, foi descoberto que no estômago de um tipo específico de barata continha cristais de proteínas de leite, isso mesmo, não somente algumas proteínas, como gordura e açucares, ou seja, nutrientes valiosos para uma boa alimentação. A famosa barata é a espécie Diploptera punctata que tem um jeito bem estranho de alimentar seus filhotes, assim como nos mamíferos, ela tem um hábito de alimentar seus filhos com esse “leite” que contem uma grande quantidade de proteínas, essa barata é a única espécie conhecida que realiza essa estranha forma de alimentar os filhotes.

Foi estimado pelos cientistas que um único cristal desta barata pode conter mais do que três vezes a quantidade de energia equivalente a mesma quantidade de massa de leite de uma vaca. Um NOVO ESTUDO publicado na revista da International Union of Crystallography mostrou sucesso no sequenciamento dos genes responsáveis pela produção dos cristais de proteínas do leite no intestino destas baratas, ou seja, será possível produzir esses cristais em laboratório e com isso tornar realidade a produção em grande escala desse suplemente nutritivo para ser utilizado em nossa alimentação.

Cockroach-Milk_3

Um dos pesquisadores, Sanchari Banerjee, afirmou ao Times of India que os cristais encontrados nesta barata são como um alimento completo, pois além de conter proteínas, gorduras e açucares, apresenta todos os aminoácidos essenciais que precisamos diariamente. Claro que não será rápido a comercialização desse novo produto nos supermercados, nem se sabe ao certo se será comercializado, pois a imagem do leite com a barata pode não ser muito atrativa para o comércio, já que a pobre barata causa nojo na maioria das pessoas. Todavia, os pesquisadores estão tentando usar um sistema de leveduras para tentar produzir os cristais em massa. Já imaginou no futuro próximo tomar uma vitamina com leite de barata ou sorvete de barata ou quem sabe cereais matinais com leite de barata… E aí, você tomaria esse leite?!

Sites: iflscience/ timesofindia/ munchies
Artigos:  Diploptera punctata as a model / Structure of a heterogeneous, glycosylated
Imagens: Reprodução/kanigas