Comportamento

Pesquisadores revelam que ficar checando e-mails faz mal para a saúde

Tem gente que é viciada em checar os e-mails toda hora. Algumas pessoas possuem aplicativos no smartphone que avisam toda vez que cai um e-mail novo na caixa de entrada. Mas isso pode não estar fazendo bem para a saúde. Uma pesquisa publicada pela Future Work, uma organização que produz estudos de maneira independente, revelou que pessoas que ficam checando e-mails podem estar adoecendo aos poucos.

A conclusão final do trabalho indicou que a utilização do e-mail está fortemente relacionada aos graus de estresse das pessoas.   Richard MacKinnon, um dos responsáveis pela pesquisa, questionou em comunicado à imprensa: Quanto mais checamos nossos e-mails, mais estressado ficamos? Os costumes que desenvolvemos e as reações emocionais que as mensagens nos trazem se combinam para nos causar um tipo de estresse podendo impactar negativamente nossa produtividade e bem-estar?


A pesquisa mostrou que quase metade dos 2 mil entrevistados utilizam uma notificação automática ao receberem e-mail. E tem mais: 62% deles mantém uma janela de e-mails aberta durante todo o dia. Os voluntários que se mostraram mais estressados foram aquelas que checam os e-mails logo que acordam ou antes de dormir.

acessar-email-corporativo-celular

Se você tiver algumas centenas de e-mails para serem lidos, nem comece a se preocupar

Os pesquisadores garantem que a regra funciona diferente em cada pessoa. A personalidade de cada um acaba sendo o termômetro para ver o quanto os e-mails vão afetar ou não sua qualidade de vida, mas que um impacto, em geral, é sentido.

E por fim, o estudo sugere que se você não consegue controlar seu impulso de checar seu e-mail, tirar pelo menos as notificações automáticas já aliviam e muito o estresse.

Fonte: futureworkcentretelegraph/  alphagalileosuper.abril. 
 Imagens: Reprodução/virtualvocations/ penso

Comentários

Novidades

Topo