Animais

Durante as Olimpíadas, OMS alerta que grávidas devem evitar Rio de Janeiro

O porta-voz da OMS emitiu um alerta a respeito do zika vírus e as Olimpíadas. Esse foi o primeiro comunicado a respeito da doença e o evento, que acontece em agosto, no Rio de Janeiro. Resumidamente, o órgão aconselha que os viajantes e turistas consultem um médico antes de assistir aos Jogos.

Além de dizer que as grávidas devem evitar visitar a cidade e outras áreas de casos da doença, a OMS recomenda que parceiros sexuais de mulheres grávidas que retornem do Rio só devem ter relações sexuais com o uso de preservativo, ou se abster, durante todo o período da gestação.

A organização também ressalta que os turistas se hospedem em locais com ar-condicionado, para evitar que mosquitos entrem pelas janelas, e frisou a importância da prática de sexo com segurança. Outras recomendações são: usar repelentes e roupas claras com mangas longas, para diminuir o risco de ser picado.

gravida-ativa

Uma parte do informe diz: “Use preservativos correta e consistentemente, ou abstenha-se do sexo durante sua estadia e pelo menos quatro semanas após seu retorno, particularmente se teve ou experimentou sintomas do vírus Zika.”

Após essas recomendações, a OMS também garante que os Jogos acontecerão no inverno, e que a chance de ser picado por um Aedes é menor. Além disso, a organização também tem o apoio da organização Pan-americana de saúde e conta com o Comitê Organizador das Olimpíadas para ajudar a diminuir os riscos de atletas e visitantes contraírem zika.

Fonte:  bbc    
 Imagens: Reprodução/domingosmantellimdemulher/
Comentários

Novidades

Topo