Anomalias e doenças

Síndrome de Fournier: A doença que mutila os órgãos genitais

Uma doença terrível e devastadora que acomete principalmente os homens, na qual pode ocorrer uma mutilação na genitália masculina além de muita dor é chamada de síndrome de Fournier. Essa doença foi relatada e detalhada em 1863 pelo médico francês Jean Alfred Fournier. Ela é caracterizada por uma trombose vascular e necrose provocando uma isquemia no local.

É causada por várias bactérias e diferentes organismos anaeróbicos, por enterobactérias, por estafilococos e estreptococos, todavia, um dos principais agentes causadores é a bactéria Escherichia coli que vive principalmente no nosso intestino fazendo parte da nossa microbiota e vivendo tranquilamente sem nos fazer nenhum mal. Porém, vendo uma possibilidade de interação e crescimento pode nos trazer sérios problemas de saúde e ocasionar a síndrome. Pessoas com diabetes, obesidade mórbida, doenças malignas e vasculares podem contribuir nestes casos.


A região afetada, principalmente nos homens, é a região do períneo que se localiza entre o saco escrotal até o ânus e nas mulheres entre a vulva até o ânus também. A síndrome causa dores fortes nessa região e uma hipersensibilidade no local, além disso, mal-estar, febre, perda de força, morte do tecido afetado (necrose), ferimentos intensos purulentos com fragmentação, além de aspecto escuro e o mau cheiro, pois o tecido apodrece com a evolução da doença e será necessária intervenção cirúrgica para retirada do tecido morto e, portanto inicia-se o processo de mutilação da genitália.

dor-penis-1100-810x442

A infecção, teoricamente, é simples e pode ser tratada com antibióticos de amplo espectro. Todavia, com a falta de higiene e limpeza do local a situação pode desencadear numa deformação e necrose total de todo o tecido da região perianal. Os cuidados com a troca de curativos e a limpeza total da região também é de extrema importância para o tratamento. Apesar da doença ter cura e ter medicação apropriada com antibióticos, os pacientes envolvidos com a doença geralmente necessitam de um tratamento psicológico devido a mutilação após a retirada do tecido morto.

A síndrome, além de causar muita dor, angústia e mutilação gera um transtorno psicológico para o paciente, uma vez que a vida social é afetada devido à deformidade e aparência da genitália que fica totalmente irreconhecível com o agravo da doença e em casos extremos de infecção a retirada parcial ou total do órgão pode ser necessária, geralmente nestas condições o paciente não consegue resistir aos tratamentos devido às maciças doses de antibióticos e pela evolução das bactérias com seu crescimento excessivo tornam-se super-resistentes a medicação, ou seja, levando ao óbito, na maioria desses casos, infelizmente!

OBS.  As imagens que ilustram a Síndrome de Founier são absolutamente fortes e contra a política do Google. Quem tiver interesse faça uma busca no seu site de busca preferido.

Fontes: ncbi/emedicine/saudemedicina/
tuasaude   Imagens: Reprodução/superpridesuperpride2

⚠  ATENÇÃO:  Nosso novo site, especial para mulheres, já está no ar. Acesse Diário Mulher.



Comentários

Novidades

Topo