Comportamento

Estudante esquece absorvente interno por 9 dias dentro do corpo e acaba na UTI

Estudante esquece absorvente interno por 9 dias dentro do corpo e acaba na UTI
Esse texto foi útil para você?

Emily Pankhurst, 20, simplesmente esqueceu de tirar o absorvente interno por nada mais nada menos que 9 dias. Ela contou que estava ocupada estudando para seus exames finais da universidade e não se deu conta de que o tampão estava por tanto tempo dentro do seu corpo.

Neste tempo a estudante sentiu abdome inchado e teve uma leve febre, mas culpou o calor e o stress pelo mal-estar. Somente depois de uma semana é que percebeu o absorvente e lembrou de retirar. O tampão saiu preto de dentro do canal genital e com o cheiro bastante forte e ruim. Poucas horas depois da remoção, ela começou a se sentir fraca, teve calafrios e a pele ficou manchada e então, foi levada imediatamente para o hospital.


Na emergência, os médicos diagnosticaram “envenenamento do sangue”, como resultado da Síndrome Do Choque Tóxico, uma infecção potencialmente fatal causada pelo uso de absorvente interno. Somente com o uso de antibióticos fortes é que a estudante conseguiu sair do perigo. Ela poderia ter morrido!

Capturar3

Falando do momento em que percebeu a presença do tampão no canal vaginal, ela disse: “ Quando percebi o absorvente e puxei para fora, ele estava todo preto. Assim que vi aquilo, já comecei a passar mal.

Mesmo após três dias de UTI, onde foi submetida à doze antibióticos, Emily sofre com as consequências da doença. A estudante não consegue acompanhar todas as aulas e nem pode andar por longas distâncias. “Todos sabem que eu preciso de um tempo para se recuperar, estão deixando que eu faça tempo reduzido nas aulas“, conta a estudante, que também comemora o apoio recebido pela família e pelo namorado: “ele tem me ajudado muito, me levou lá em cima. Minha mãe me salvou quando ignorei os sintomas“, afirma.

Fonte: dailymailsaude.terra     Imagens: Reprodução/ dailymail

Comentários

Novidades

Topo