Alimentação

Ácido fólico livra milhares de bebês todos os anos de graves malformações congênitas no cérebro e na coluna vertebral



Nem todas as mulheres que pretendem engravidar sabem a importância de tomar ácido fólico no período que antecede a concepção e também no primeiro trimestre de gestação. De acordo com dados publicados pelo Centro Norte-Americano de Controle e Prevenção de Doenças em sua publicação Morbidity and Mortality, a ingestão de Ácido fólico (também conhecido como vitamina B9) na gravidez livra milhares de bebês todos os anos de má formação congênita. Só nos EUA os defeitos congênitos graves no cérebro e na coluna vertebral em recém-nascidos diminuiu em 35% desde 1998, depois que o ingestão desta vitamina se tornou mais acentuado.

Os alimentos ricos em ácido fólico, como levedura de cerveja, feijão e lentilhas são muito indicados para quem está tentando engravidar. Entre outros benefícios para a mãe, o ácido fólico na gravidez serve para diminuir o risco de lesões no tubo neural do bebê, prevenindo doenças, como espinha bífida, anencefalia, lábio leporino, doenças cardíacas


Os especialistas afirmam que mesmo ingerindo fontes de ácido fólico como os grãos, a mãe pode não estar recebendo fontes desta vitamina o suficiente para que o bebê se desenvolva saudável. Além do consumo destes alimentos, é comum o médico indicar que a mulher tome os comprimidos de ácido fólico de 2 a 3 meses antes de engravidar e nas primeiras semanas de gestação para garantir que não haja falta de ácido fólico na gestante.

Capturar

Todas as mulheres em idade fértil deveria tomar um multivitamínico contendo ácido fólico todos os dias“, aconselha Siobhan M. Dolan, co-autor do livro Mamãe Saudável, Bebê Saudável. Muitas pessoas não sabem, mas hoje, a farinha de trigo usada para fabricar pães, bolos e massas contém uma pequena dose do ácido fólico, que já insere de forma preventiva este nutriente na alimentação das pessoas.

Não tomei ácido fólico no começo da gravidez. Meu bebê corre risco?

Se você não tomou o suplemento de ácido fólico no comecinho da gravidez, procure não se preocupar. Os problemas que o ácido fólico previne são relativamente raros, e você certamente ingeriu naturalmente algum ácido fólico na sua alimentação e na farinha de trigo enriquecida.  Ou seja, cada vez que você comeu um pãozinho, estava tomando ácido fólico, o que já ajuda muito.

Fonte:  myscienceacademybabycentertuasaudetuasaude1   Imagens: Reprodução/tuasaudecordvida
Comentários

Novidades

Topo
error: Sinto muito! Conteúdo protegido.